Comércio prevê descontos de até 80%Ícone de fechar Fechar

BLACK FRIDAY

Comércio prevê descontos de até 80%

Black Friday será nesta sexta-feira, 29, e reúne lojistas de lojas físicas e virtuais de todo o Brasil; em Rio Preto, comércio oferece descontos de até 80%; fique atento para não cair em golpes e gastar demais


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

A 24 horas da promoção mais esperada também do varejo brasileiro, consumidores contam as horas para conhecer os preços que serão praticados durante a Black Friday, que será celebrada nesta sexta-feira, 29. E não é para menos, é praticamente impossível passar ileso a tantas propagandas, razão essa que faz ser fundamental tomar cuidado para não exceder nos gastos.

É o caso do analista de sistemas e suporte Thiago Oliveira Sirotto, de 22 anos, que vai aproveitar a Black Friday para comprar uma série de produtos para mobiliar sua casa. Entre outras coisas, ele pretende comprar utensílios domésticos como micro-ondas e fritadeira.

Para não estourar o orçamento, ele fez um planejamento separando parte da renda para as compras. "Juntei algumas economias e disponibilizei parte do limite do cartão para fazer as compras", afirmou. E, para não se exceder, vai tentar controlar o impulso de comprar o que aparecer com preço tentador. "Eu nunca me programo para Black, todo ano vem a frustração de não ter dinheiro, mas como neste ano houve a necessidade de mobiliar a casa, não posso perder a oportunidade".

No Brasil, a Black Friday tem uma dinâmica um pouco diferente da dos Estados Unidos, em que a promoção ocorre apenas na sexta-feira e, especialmente com as lojas virtuais. Por aqui, tem loja fazendo liquidação já há algumas semanas e não apenas até esta sexta-feira, mas em muitos locais a campanha segue até o fim de semana. Tanto que o publicitário Anderson Henrique Tavares, 24, até já comprou um presente para a avó. "Ela já vinha dizendo que queria um colchão. Ao longo dos meses fui acompanhando os preços e aproveitei para comprar um modelo que estava com desconto de R$ 300. A entrega será nesta semana. Vai ser surpresa".

Anderson vai aproveitar a data para comprar alguns itens pessoais, como roupas e calçados. "Sempre entro nos sites para ver se tem novidades. Agora, além dos descontos, tem uma campanha com mais descontos progressivos, mas não vou fazer nenhuma loucura, só compras conscientes".

Cuidados

Em tempos de comunicação instantânea, o consumidor precisa redobrar os cuidados com as compras pela internet, já que a possibilidade de tentativas de golpe aumenta. Se a maior parte das pessoas já não acredita mais nos anúncios com preços muito atrativos que chegam por e-mail, não se pode dizer o mesmo das ofertas que chegam de amigos e dos grupos do WhatsApp. "Como a informação circula muito mais facilmente pelos grupos e pelos contatos de amigos, as pessoas repassam e acabam acreditando", afirmou Juliana Moya, especialista em relações institucionais da Associação de Consumidores Proteste.

A primeira coisa a ser feita é buscar uma loja confiável, conferir sua reputação e também aquele 'cadeadinho' que indica a segurança da operação on-line. "Neste momento, o cuidado é na hora de efetivar as compras", orienta. Isso porque um dos problemas pode ser o valor diferente do produto na hora do pagamento.

"O consumidor faz todo o processo e na última tela aparece um preço diferente daquele da oferta", diz. Nesse caso, vale entrar em contato com a loja para ver se não foi erro ou má fé mesmo", disse.

O Procon é o órgão que o consumidor deve procurar caso se sinta lesado. Segundo o diretor da entidade em Rio Preto, Arnaldo Vieira, os direitos na Black Friday são os mesmos previstos no Código de Defesa do Consumidor (CDC). E, sobre a troca obrigatória, ele faz um alerta, em nota: "ela acontece quando o produto apresenta algum defeito ou vício oculto. O fornecedor deve realizar o reparo para o consumidor dentro de 30 dias para bens não duráveis e 90 dias para bens duráveis".

Sobre a política de troca, é fundamental que o consumidor - antes de fechar a compra - saiba como funciona. É que muitas lojas não trocam produtos comprados durante promoções. "Algumas também dão descontos em itens com defeito. Isso é possível, mas o consumidor precisa ser informado sobre essa condição."

O Procon-SP também disponibiliza em seu site uma lista de lojas virtuais para o consumidor evitar. São fornecedores que, segundo o Procon-SP, não são localizados nem mesmo através de rastreamento feito no banco de dados de órgãos como Junta Comercial, Receita Federal e Registro BR. A lista pode ser acessada através do endereço virtual https://sistemas.procon.sp.gov.br/evitesite/list/evitesites.php.

Pesquisa

Para ajudar os consumidores a compararem os preços, a Proteste oferece um comparador de preços gratuito, o plugin Mais Barato Proteste, que mostra se o que o consumidor está comprando está mais barato em outra loja on-line ou não. Para funcionar, basta acessar o portal da entidade (www.proteste.org.br), baixar e instalar a ferramenta.

 

Lojistas do comércio de Rio Preto estão animados e investem na Black Friday para melhorar as vendas no período. Há opções de promoções nos mais diferentes produtos e serviços, desde lojas que vendem alimentos, passando por roupas, calçados, eletrodomésticos, celulares até diárias em parque aquático e viagens.

Nos cinco shopping centers de Rio Preto, os anúncios são de descontos que chegam a 80% e a previsão é de que haja alta de até 40% no fluxo de consumidores, especialmente nesta sexta-feira, data oficial do evento.

No shopping Cidade Norte, todas as lojas estão apostando em ações, com destaque especial para as do segmento infantil e eletrodomésticos. Os descontos chegam até a 80%.

No Iguatemi, os clientes podem encontrar itens de moda, acessórios, beleza, eletrônicos, infantis, entre outros, também com descontos de até 80%. "A expectativa é muito positiva. Esperamos crescimento de 6% a 8% no fluxo de consumidores na data", afirmou o gerente geral Guilherme Galli.

Na campanha do Praça Shopping, as lojas oferecerão descontos de até 50% aos consumidores. A expectativa é de que as vendas cresçam 10% em comparação com o mesmo período do ano passado.

No Plaza Avenida, a promoção terá descontos reais de até 70% em praticamente todas as lojas. São produtos de todas as lojas como calçados, eletrônicos, roupas, brinquedos, perfumaria etc.

No Riopreto Shopping, a liquidação oferecerá descontos também de até 80% e condições especiais de pagamento. A liquidação envolve diferentes segmentos como moda, informática, brinquedos, entre outros e tem expectativa de aumentar o fluxo de clientes em até 40% na data. (LM)