Hip Hop em Ação começa na Apae e tem programação no SescÍcone de fechar Fechar

Cultura e diversão

Hip Hop em Ação começa na Apae e tem programação no Sesc

A 9ª edição do Hip Hop em Ação começa nesta quinta-feira e segue até o sábado com programação que promove o debate sobre a cultura do hip hop por meio de shows, atividades e oficinas gratuitas


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

O que começou nas ruas do subúrbio de Nova York e logo se espalhou para as periferias das principais capitais do mundo criou fortes raízes em Rio Preto. Mais uma vez a cidade celebra um dos maiores movimentos sociais e artísticos do planeta com o evento "Hip Hop em Ação", que em 2019 chega a sua 9ª edição e tem como proposta levar diversão e informação sobre cultura hip hop por meio de shows, atividades e oficinas para a comunidade.

A programação começa nesta quinta-feira, 28, às 9h, com uma intervenção artística seguida de uma minipalestra para os alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), de Rio Preto. "Primeiro faremos uma apresentação de dança com o grupo que sempre nos acompanha e, em seguida, faremos um bate-papo com eles para apresentar um pouco mais da história dessa cultura", conta o idealizador do projeto, o B-boy Ricka. As atividades são realizadas por meio de fomento do Prêmio Nelson Seixas 2019.

Pedagogo e educador social, há anos ele trabalha com projetos sociais e defende a necessidade de levar os ensinamentos da cultura do hip hop para a vida das pessoas. "Assim que encerramos uma edição, começamos a mapear os locais em que sentimos a necessidade de levarmos esse tipo de cultura. Trabalhei muitos anos com projeto social e sei o quanto o hip hop pode mudar a vida das pessoas", defende.

Mas a abertura oficial da 9ª edição do "Hip Hop em Ação", será realizada na sexta-feira, 29, com o show da DJ Lika Marques, às 19h30, na comedoria do Sesc Rio Preto. Natural de São Paulo, ela se considera uma entusiasta das "batidas quebradas" e de expressões urbanas. Lika iniciou como DJ em 1990, aos 12 anos de idade, nos bailes de garagem e festas na escola da periferia de São Paulo. Em 1995 ela se tornou a primeira mulher indicada e premiada como "DJ Revelação" pelo DJ Sound Awards '95, mesmo ano em que fez parte do casting brasileiro da conceituada agência americana de DJs: DMC.

No mesmo dia, às 20h30, quem se apresenta é o grupo Funk Page, um projeto paralelo da banda Rock Page, de Rio Preto. No repertório eles levam os clássicos do funk, soul com muito groove e composições próprias exclusivas para o evento. De acordo com Ricka, parte da playlist que será apresentada foi um pedido da organização.

"Eles apresentarão músicas que eram tocadas nos bailes blacks dos anos 80, que chocaram com o momento do começo do hip hop. São canções bastantes temáticas e muito importantes, principalmente porque a dança break surgiu dessas músicas. É de extrema importância que isso não seja esquecido, o evento tem essa preocupação de resgatar a originalidade da cultura hip hop", ressaltou Ricka.

O idealizador explica que os três dias de evento foram pensados como uma maneira de envolver diferentes setores da comunidade, que muitas vezes não possuem contato ou não conhecem a filosofia que envolve esse movimento social e artístico. Essa imersão será realizada no sábado, dia que recebe um número maior de atividades. A partir das 10h, os interessados em conhecer mais sobre a cultura poderão participar de um workshop de breaking, com o B-Boy Soneka - da Back Spin Crew. Ele apresenta para o público suas vivências dentro da cultura hip hop. Durante as oficinas que ministra, Soneka apresenta como alguns movimentos da capoeira estão associados ao breaking, como Ground move, Go down, Top Rock, Up Rock. A atividade é voltada para pessoas iniciantes e tem um limite de 30 participantes.

Mais tarde, às 11h30, é a vez do B-Boy Casper, também da Back Spin Crew, ensinar um pouco sobre Locking, uma dança que surgiu em Los Angeles e que trabalha as coreografias com os braços.

Em horário simultâneo, o Sesc recebe o DJ Niko, que se apresenta no Ginásio da unidade. Ele irá mostrar alguns dos equipamentos que são utilizados durante as apresentações, como toca discos e mixers, e ainda ensinará algumas técnicas básicas de discotecagem, BPM, Scratchs e batidas.

Niko, que nasceu no estado do Paraná, mas atualmente mora em São Paulo, faturou no mês de outubro a competição paulista de DJ's "Soco na Gangrena", idealizado pelos DJs Basim, RM e Erick Jay. A atividade será aberta para o público em geral e não precisa ter conhecimento mínimo para participar.

Para o B-boy Ricka, o personagem do DJ é considerado um dos pilares do movimento hip hop. "Ele é um personagem fundamental. Tudo começou por meio dos elementos da cultura do DJ, ele é a base para o b-boy dançar e para o MC cantar. Todo ano nos preocupamos em oferecer para os participantes diferentes apresentações", conta.

O evento continua no período da tarde com a palestra "Hip Hop Cultura Tradicional - Uma Breve História", ministrada pelo integrante da True School Crew, Jaspion, na área externa da Comedoria, às 14h.

Jaspion é da cidade de Franca, mas já morou nos Estados Unidos e conheceu de perto o local de onde o hip hop surgiu. Na palestra ele aborda a evolução histórica da cultura hip hop e enfatiza elementos que permitem sua definição como "Cultura Tradicional", partindo das primeiras festas nos anos 70, as modificações que o movimento sofreu nos anos 80 e o processo de marginalização e de 'desmarginalização' ocorrido na década de 90 e início dos anos 2000.

A programação é seguida por uma batalha de dança em que oito diferentes crews (termo que na cultura do hip hop se define como família) se apresentam para um corpo de jurados. Para fechar o evento, os participantes podem conferir uma batalha onde DJ's se apresentam e mostram suas técnicas e habilidades nos toca discos.

"O principal foco do 'Hip Hop em Ação' é ter contato com as pessoas. Ele não pertence somente ao gueto, ele é de todo mundo e todo mundo tem o direito de conhecer um pouco mais", finaliza Ricka.

Quinta-feira, 28

Palestra

  • Cultura Hip Hop
  • Local: Apae
  • Horário: 9h

Sexta-feira, 29

Show

  • Lika Marques
  • Local: Comedoria do Sesc
  • Horário: 19h30

Show

  • Funk Page
  • Local: Comedoria do Sesc
  • Horário: 20h30

Sábado, 30

Intervenção

  • Breaking - com Soneka Back Spin Crew
  • Local: Comedoria Área Externa
  • Horário: 10h
  • 30 vagas

Intervenção

  • Locking - com Casper Back Spin Crew
  • Local: Comedoria Área Externa
  • Horário: 11h30
  • 30 vagas

Intervenção

  • Disc Jockey - Com DJ Nico
  • Local: Ginásio
  • Horário: 11h30

Palestra

  • Hip Hop Cultura Tradicional - Uma Breve História
  • Com Jaspion True School Crew
  • Local: Comedoria Área Externa
  • Horário: 14h

Música

  • Batalha Show DJs
  • Com Soneka Back Spin Crew
  • Local: Ginásio
  • Horário: 16h30