Caminhonetes caras na mira de quadrilhasÍcone de fechar Fechar

Onda de Furtos

Caminhonetes caras na mira de quadrilhas

Em três meses, bandidos furtaram 5 veículos do modelo Hilux em Rio Preto


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Quadrilhas especializadas em roubos de veículos estão de olho em caminhonetes de luxo, principalmente Toyota Hilux. Cinco delas, que chegam a custar em torno de R$ 200 mil, foram furtadas em Rio Preto desde setembro - três apenas neste mês. Uma das vítimas tinha acabado de comprar o veículo e nem teve tempo de colocar placa, rastreador nem de fazer seguro.

Tração nas quadro rodas, motor robusto, mas de consumo relativamente baixo de diesel, em consideração a veículos do tipo, e desenho da carroceria que se destaca. Tudo isso impressionou o empresário João Paulo Lopes de Almeida, 39 anos, que realizou um antigo sonho, ao comprar a caminhonete, de R$ 193 mil. "Eu tinha retirado da concessionária. Até tirei uma foto com um laço vermelho em torno da caminhonete. Fui trabalhar e deixei o veículo na frente do meu escritório. Foi questão de minutos para levarem ela embora", diz. Ele foi furtado no dia 11 de novembro deste ano.

Nas duas semanas após o furto, o empresário registrou boletim de ocorrência, alertou as polícias rodoviárias Estadual e Federal. "Consegui até vídeos que mostram a ação da quadrilha. A Toyota Hilux tem chave codificada, mas por meio eletrônico eles conseguem destravar o veículo. Nem tive tempo de contratar seguro ou colocar equipamento pra rastrear", lamenta a vítima.

Levantamento do 17º Batalhão da Polícia Militar de Rio Preto mostra que três Hilux foram furtadas na cidade somente em novembro. Houve ainda mais dois furtos registrados em outubro e setembro.

Segundo a Polícia Civil, o foco das quadrilhas é pegar a caminhonete para revenda em outros Estados ou até no Paraguai, para atender a demanda do mercado paralelo. O delegado coordenador da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto, Alceu Lima de Oliveira Júnior, afirma que neste ano já foram presos suspeitos aqui na cidade. "Eles arrumam documentação falsa e placa de outro município para o veículo para transitar pela cidade. A vítima [que teve a placa clonada] só percebe quando começa a receber as multas," diz o delegado.

Porta-voz do 17° Batalhão da Polícia Militar, Marcos Sanches diz que a corporação está empenhada na recuperação dos veículos e faz monitoramento diário para saber onde mais acontecem furtos de veículos.

"Tal monitoramento resultou na redução de 20% dos furtos de veículos em Rio Preto, comparando o 2º com o 3º trimestre deste ano. A perspectiva para este último trimestre do ano, analisando parcialmente os números de registros de furto até o momento, é que o 4º trimestre tenha ainda uma redução de 13%, se comparado ao 3º trimestre", diz. "A redução é ainda mais significativa se compararmos esse último trimestre de 2019 com o mesmo período de 2018, onde a redução dos furtos de veículos poderá ter uma redução de até 30%."

Sanches diz que de 1º de janeiro a 25 de novembro deste ano foram recuperados 550 veículos, sendo que em 11 meses de 2018 foram recuperados 558 veículos.

Dicas para evitar furtos ou roubo de veículos

  • Caso perceba que está sendo perseguido por outro veículo, ligue 190 e vá para o posto policial mais próximo
  • Evite deixar o veículo aberto ou a chave no contato, mesmo por pequenos instantes
  • Nunca deixe documentos ou objetos de valor expostos dentro do veículo
  • Procure estacionar em locais seguros e bem iluminados; dê preferência a estacionamentos pagos em caso de longas paradas
  • Faça um seguro total (roubo, incêndio). É uma boa alternativa
  • Coloque trava para dificultar o furto ou roubo
  • Instale equipamento de rastreamento

Furtos de Hilux em Rio Preto

  • Setembro: 1
  • Outubro: 1
  • Novembro: 3

Recuperação de veículos em geral furtados ou roubados em Rio Preto

  • 550 (de janeiro a 25 de novembro deste ano)

Fonte: Polícia Militar