IMG-LOGO
Home Moda
Moda

A consultora de moda Regina Martelli fala sobre as tendências para o próximo verão

A carioca atua no segmento especializado de moda e etiqueta dando consultorias e treinamentos e esteve em um evento no Riopreto Shopping

Jéssica Reis - 11/10/2019 11:55

A jornalista e consultora de moda Regina Martelli participou de um evento no Riopreto Shopping. A carioca atua no segmento especializado de moda e etiqueta dando consultorias e treinamentos, e foi uma das atrações doevento Deluxe Design, realizado pelo centro de compras e pela Agência Portátil, nesta semana. 

As vésperas do São Paulo Fashion Week, que acontece de 13 a 18 de outubro, Regina falou ao portal da revista Vida&Arte sobre suas apostas para a próxima temporada. Para ela, a moda está bem diversificada e o verão será de peças amplas e confortáveis, com estampas florais e cores quentes. Confira a entrevista:

V&A - Neste domingo, dia 13, começa mais uma edição do SPFW. O que esperar para o verão 2020?

Regina Martelli - A moda está muito diversificada. As peças estão mais amplas, a moda está mais ampla, não está tão justinha, as blusas estão mais soltas, o paletó mais desestruturado. Os vestidos vêm num estilo meio boêmio e nos três comprimentos, midi, altura dos joelhos e mini não sai nunca de moda. As túnicas também serão destaque. O paletó volta com os modelos dos 4 botões.

As estampas florais continuam em alta, assim como as cores quentes como, vermelho, laranja, amarelo e o verde, que está mais forte que o azul. Outro destaque são as listras, o preto e o branco que é eterno, e o azul-marinho.

A calça você tem a pantacourt, que já é uma coisa mais normal, não é lançamento. E skinny que está fora de moda, claro que se você tem vai usar, mas a gente vai ver calças mais retas, mais curtas e mais largas como a pantacourt e a pantalona.

A sandália rasteira para o verão é uma ótima opção, mas agora são as rasteiras com tiras, não as de dedo. A bermuda larga e o short mais solto, tipo alfaiataria também estão em alta. E, claro, o nosso jeans que sempre está em alta. 

Vai ser um verão diversificado, porque a moda é feita para essa diversificação a gente vive, para todos os biotipos. A roupa conceitual é mais rara hoje em dia, é mais difícil de usar e vai ser mais difícil ver na passarela, num momento em que as pessoas precisam de mais visibilidade para vender mais. 

 

V&A - E os tênis que se tornou queridinho das mulheres, eles também continuam em destaque?

Regina Martelli - Os tênis, o jeans e a camisa branca não saem nunca de moda. O que está acontecendo é que está se tornando uma peça própria, você tem tênis que são verdadeiras esculturas. Eu acho que os tênis estão ganhando vida própria. Continua usando com tudo. Você pode usar para todas as horas, eles dão um ar jovem e descolado para looks com saia longa e terno, por exemplo.

V&A - Quais são suas referências no mundo da moda?

Regina Martelli - Sou uma pesquisadora, sou fã da Chanel. Eu tenho uma inspiração mais filosófica do que de estilo. Quando eu digo Chanel, eu gosto da maneira como ela interpretou a moda, da maneira como ela fez a moda. Acho que essas pessoas que foram vanguarda são muito inspiradoras, num sentido de que você vê a ousadia. Eu acho que cada marca tem que ter uma personalidade e acreditar nela.

V&A – Hoje a gente vê um aumento de brechós de luxo, você acredita que as pessoas estão em busca de uma moda mais consciente e sustentável?

Regina Martelli - A gente tem muita coisa no armário e isso tem que girar, você fica com aquela roupa no armário mofando e você vai querer automaticamente novas peças. É muito comum hoje em dia brechós, você fazer bazar e as pessoas podem comprar uma roupa bacana por um preço baratíssimo, e claro, quando a pessoa tem marcas e grifes é ótimo. Isso realmente é um consumo consciente. É uma opção boa para a moda, porque teve uma época que as pessoas consumiram muito, como mostrado em Sex and the City que foi exemplo para uma geração. Então uma peça que você tem lá no armário você vai dar oportunidade para outra pessoa usar. Eu acho que a moda gira. E eu sou muito favorável a isso, é muito interessante, e é uma boa oportunidade, especialmente, para quem gosta de comprar peças de marca.

V&A – Quais peças que a mulher precisa ter no guarda-roupa que são atemporais?

Regina Martelli - Uma calça comprida reta, tipo cigarrete; uma pantalona molenga que você pode usar com qualquer tipo blusa. Uma camisa é sempre importante ter no armário, pode ser com ou sem manga. Um jeans claro e um paletó desses novos mais amplos. Uma calça mais justa e uma mais larga para ter opções de looks. Vestido, desses que está começando a usar agora, com tecido tipo musseline com comprimento midi, que você pode usar com uma rasteira para um visual mais descontraído ou com uma plataforma, um sapato mais alto e aí ele fica mais elegante, e você pode sair à noite para uma balada, ir para um jantar. Esse vestido é básico para esse próximo verão.

Editorias:
Moda
Compartilhe:

MAIS POPULARES