Higiene em alertaÍcone de fechar Fechar

Pets

Higiene em alerta

Gatos podem engolir pelos que se transformam em risco


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Se você tem um gato de estimação, já deve tê-lo visto se lamber. O hábito, que faz parte da natureza dos bichanos, está ligado ao seu hábito de auto-higienização e é responsável pela liberação de hormônios relacionados ao bem-estar. Entretanto, esse processo pode levar os felinos a ingerir pelos mortos que, ao chegarem ao sistema gastrointestinal, se transformam em bolas de pelo que afetam o organismo do animal.

É fácil perceber quando isso acontece com o bichinho: ele perde o apetite, fica apático, vomita com frequência e tem constipação. Segundo a veterinária Amanda Cologneze, se houver a mistura entre os pelos e as fezes, o esvaziamento do cólon pode ser afetado "Isso prejudicará o trânsito intestinal do gato e, como consequência mais grave, pode gerar uma obstrução", explica.

Como evitar

Para minimizar os riscos relacionados à ingestão de bolas de pelos, é importante que o animal seja escovado regularmente e que os banhos sejam semanais, de preferência com algum produto específico para higienização de gatos. "Isso ajudará na retirada dos pelos mortos e consequentemente o animal irá ingerir uma menor quantidade", diz Amanda. Utilizar suplementos alimentares à base de malte também pode facilitar a eliminação dos pelos através das fezes.