Quer viver mais? Leia Ícone de fechar Fechar

Comportamento

Quer viver mais? Leia

Estudos mostram que leitura aumenta longevidade e qualidade de vida


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Ter uma boa alimentação, praticar atividade física e ter um estilo de vida saudável são ações que contribuem para a longevidade e uma melhor qualidade de vida. Mas um estudo publicado no periódico Social Science and Medicine sugere que você incorpore mais uma alternativa aos seus hábitos: ler livros com regularidade. Segundo os pesquisadores, isso fará com que você viva por mais tempo.

O estudo envolveu mais de 3 mil pessoas. Os pesquisadores perceberam que aqueles que dedicam pelo menos três horas por semana à leitura tendem a viver pelo menos dois anos a mais do que os participantes que não costumam ler. Os cientistas acreditam que o resultado parece ter relação principal com a melhoria cognitiva adquirida durante a leitura. Outros fatores como idade, gênero e nível de escolaridade não representaram mudanças na pesquisa.

O estudo

Durante 12 anos, os pesquisadores dividiram os participantes em três grupos: Os que nunca liam, aqueles que liam até três horas e meia por semana e aqueles que liam por mais de 3,5 horas toda semana. Mesmo no segundo grupo, a probabilidade dos leitores ocasionais morrerem nos anos seguintes já era 17% menor do que entre aqueles que não costumavam ler.

"Ao ler livros, parece que criamos uma vantagem de sobrevivência maior do que entre aqueles que não dedicam tempo a essa atividade", observaram os cientistas. A leitura - dizem ainda- envolve processos cognitivos que promovem a inteligência emocional, empatia e percepção social, características que sempre favoreceram a longevidade e sobrevivência humanas.

Maior empatia: Cientistas da Emory University, nos Estados Unidos, compararam os cérebros de leitores e não-leitores. Eles descobriram que os leitores utilizam a imaginação para entender as emoções dos personagens dos livros que leem e, por isso, são geralmente pessoas mais empáticas. Segundo eles, a leitura aumenta a capacidade de compreender como as outras pessoas se sentem;

Ajuda a reduzir o estresse: A leitura reduz os níveis de estresse em 68% e relaxa através da diminuição da frequência cardíaca. Apenas seis minutos por dia são suficientes para reduzir significativamente o estresse, mostrou em estudo a Universidade de Sussex, na Inglaterra. A explicação é que a leitura o transporta para um outro lugar e isso o ajudará a relaxar. Ler é mais eficiente que ouvir música e até mesmo caminhar;

Encoraja a busca por conquistas: Pesquisadores da Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, concluíram após um estudo que quanto mais você se identifica com um (ou vários) personagem na leitura, muito maior é a chance de você implementar ações na vida;

Melhora a atividade cerebral: Pesquisa da Universidade Emory aponta que o resultado da leitura atua nos moldes de exercícios físicos para o cérebro. Romances o transportam para experiências de outras pessoas e a imersão tem resultados biológicos.