O que as crianças estão a fim de saberÍcone de fechar Fechar

O DIÁRIO DAS CRIANÇAS

O que as crianças estão a fim de saber

Neste sábado, cada editoria traz uma matéria pautada pelos alunos da escola Silvio Benito Martini


    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Brincar na rua, não ter preocupação com o que vai acontecer amanhã, não ter a obrigação de trabalhar para pagar boletos, estudar, ajudar na limpeza da casa, ter responsabilidades, ter muita energia e imaginação. Curtir a vida, ir a festas, sonhar e ser feliz. Todo mundo sabe que a infância é a melhor fase da vida - as definições anteriores provam isso e foram dadas por uma turma da Escola Municipal Deputado Silvio Benito Martini, do bairro Santo Antônio, em Rio Preto, que ajudaram nesta edição especial do Diário da Região.

Cada editoria tem uma reportagem sugerida pelos pequenos, que ainda ajudaram a montar a capa e fizeram uma entrevista com o prefeito da cidade, Edinho Araújo. As matérias foram escritas pelos repórteres do Diário, que buscaram ser o mais didáticos possível, já que estavam falando com todos os leitores e, em especial neste 12 de outubro, dia delas, com as crianças.

Os alunos, que trabalham cotidianamente com jornal em sala de aula e já conheciam o Diário da Região, esperaram ansiosos a visita da reportagem, que aconteceu na última quarta-feira, 9. Sugeriram pautas de todas as editorias e compartilharam sonhos - cada um já tem uma ideia do que quer ser "quando crescer". As opções são as mais variadas: jogador de futebol, dublador, professor de break, policial, soldado do Exército, farmacêutico, médico, professora, cabeleireiro...

As crianças são estudantes do 5º ano do ensino fundamental e têm idade entre 10 e 11 anos. Segundo as professoras Kátia Batista de Oliveira Augusto e Samanta Marques Pereira, os sonhos são o que impulsiona os estudos. "Às vezes eles acham que esse caminho não é muito fácil, mas os sonhos fazem eles persistirem", afirmam.

A leitura faz parte da trajetória escolar e, conforme as educadoras, é importante para a formação das crianças. "Ela precede a escrita. Todos os dias tem a leitura inicial, a gente faz um trabalho com jornal, eles dão opiniões sobre as matérias e se interessam."

Pequenos jornalistas

Na tarde desta sexta-feira, 11, o grupo que sugeriu as reportagens veio até a sede do Diário para entrevistar o prefeito Edinho Araújo, com perguntas elaboradas pelos próprios estudantes, e ajudar na confecção da capa. Os pequenos gostaram da visita e descobriram um pouco mais sobre as etapas de elaboração do jornal.

De acordo com Michele Fernanda Feltrim Morais, coordenadora da escola, essa é uma vivência importante para os alunos, que podem conhecer como é feito um jornal e ainda visualizar nesse meio de comunicação uma possibilidade de emprego futuro. Também pesa a criança ver que sua sugestão de pauta, aquilo que elas gostariam de ler, está nas páginas. "Ela vai entender que a palavra dela tem importância e que ela pode fazer a diferença, que ela pode pensar sobre política, cultura, economia. Elas têm uma rotina, sua casa, a escola e são influenciadas por tudo que acontece", pontua.