Grupo Diário da Região   | quarta-feira, 16 de outubro
IMG-LOGO
Home Tecnologia
Tecnologia

O carro do futuro, hoje!

Os modelos da Tesla ainda não são vendidos oficialmente no Brasil, mas chegam ao país por meio de importadoras especializadas

Gabriel Vital - 12/10/2019 00:00

Um carro esportivo vermelho, conversível e ocupado por um astronauta vaga pelo espaço desde o ano passado. Sua próxima parada? O restaurante no fim do universo, em alusão ao Guia do Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams, segundo a Space X, empresa que lançou o automóvel no espaço. Parece até enredo de ficção científica, mas o carro - que, na verdade, não vai chegar a restaurante algum - está realmente lá, orbitando o Sol como se fosse um planeta. Esse novo "astro" do sistema solar é um Roadster, o primeiro e mais potente modelo produzido pela Tesla, empresa que, assim como a Space X, tem como CEO o visionário Elon Musk, um sul-africano naturalizado norte-americano.

A montadora produz carros potentes, velozes e equipados com tecnologia de ponta. Tudo isso sem uma gota de combustível, já que os veículos são totalmente elétricos. Os modelos ainda não são vendidos oficialmente no Brasil, mas chegam ao país por meio de importadoras especializadas. O preço, porém, assusta. O sedã Modelo 3, o mais barato da marca, é comercializado nos Estados Unidos por 35 mil dólares. No Brasil, não sai por menos de R$ 225 mil, mesmo isento de impostos de importação, já que, por se tratar de um veículo elétrico, conta com incentivos fiscais.

Mas, apesar do preço, manter um carro elétrico como o Tesla no Brasil não é um sonho assim tão distante. Em Rio Preto mesmo é possível rodar com um veículo desses, já que a maioria das revisões e atualizações são feitas via internet, por meio de computação em nuvem. "A manutenção é feita remotamente em sua grande parte, pois o carro é praticamente um computador sobre rodas", explica Kaue Costa, executivo de vendas da Elektra Motors, uma das primeiras a importar o Tesla.

Para manutenções mecânicas - como revisão em freios e amortecedores, por exemplo - o motorista ainda precisará viajar a São Paulo para encontrar oficinas especializadas. Mas isso só depois de rodar 2 mil quilômetros, que é quando deve ser feita a primeira revisão.

Para chegar à capital, aliás, é bom se programar para uma recarga no caminho. Isso porque o Tesla mais "básico" roda, em média, 400 quilômetros (km) com a bateria cheia - de Rio Preto a São Paulo são 440 km. Uma carga completa demora de oito a dez horas usando um carregador lento, segundo Kaue. Em carregadores rápidos, a bateria fica completamente carregada em até três horas. Tudo depende da tensão da fonte de energia. Quanto maior a tensão, mais rápido o tempo de carga.

É possível "abastecer" o Tesla até mesmo na tomada comum de casa, com um carregador portátil vendido pela própria montadora. "Porém, já existem carregadores espalhados em pontos estratégicos como shoppings, prédios comerciais, parques e até postos de combustível", acrescenta Kaue. Em Rio Preto, há um desses no estacionamento de um atacarejo na avenida Doutor Antônio Marques dos Santos. Basta ter um adaptador para ligar o Tesla ao equipamento.

Navegação

A tela touchscreen de 17 polegadas acoplada ao painel dos veículos da Tesla é por onde o motorista controla funções do carro, tem acesso à central multimídia, além de informações como carga da bateria, câmera de ré e Bluetooth. Mas o grande atrativo é mesmo o sistema de navegação, um piloto automático totalmente inteligente.

A mais recente versão desse sistema foi lançada em abril deste ano e ganhou uma atualização em setembro. Com oito câmeras instaladas ao redor do carro, o sistema apresenta uma visão em 360º da pista, identificando obstáculos e outros veículos em um raio de até 250 metros.

Portanto, todos os carros da marca já possuem os equipamentos necessários para uma navegação totalmente autônoma, dispensando qualquer ação de um motorista. Esse recurso, no entanto, ainda não está disponível, pois precisa de aprovação regulatória.

Modelo 3

Autonomia: 409 km

Velocidade máxima: 225 km/h

0-100 km/h em 5,6 segundos

Preço: a partir de US$ 30.315

Por que Tesla?

O nome Tesla é uma homenagem ao engenheiro eletricista e inventor Nikola Tesla (1856-1943), que ficou conhecido por formar as bases teóricas dos sistemas de potência elétrica em corrente alternada, os sistemas polifásicos de distribuição de energia e o motor AC, invenções que impulsionaram a Segunda Revolução Industrial.

Modelo X

Autonomia: 505 km

Velocidade máxima: 250 km/h

0-100 km/h em 4,6 segundos

Preço: a partir de US$ 75.315

Modelo Y

Autonomia: 540 km

Velocidade máxima: 209 km/h

0-100 km/h em 5,8 segundos

Preço: a partir de US$ 43.700

Modelo S

Autonomia: 610 km

Velocidade máxima: 250 km/h

0-100 km/h em 3,8 segundos

Preço: a partir de US$ 70.115

Roadster

Autonomia: 1.000 km

Velocidade máxima: 400 km/h

0-100 km/h em 2,1 segundos

Preço: Valor não informado. Apenas para reservar o carro, o interessado deve pagar US$ 5 mil e fazer uma transferência de US$ 45 mil em até 10 dias

Editorias:
Tecnologia
Compartilhe:

MAIS POPULARES