Autuori afirma que vai analisar caso de CuevaÍcone de fechar Fechar
    • São José do Rio Preto
    • máx 32 min 18

Após a vitória sobre o CSA por 2 a 0, na Vila Belmiro, o técnico do Santos, o argentino Jorge Sampaoli, comentou sobre a situação do meia peruano Christian Cueva, pouco aproveitado por ele e suspenso preventivamente pelo clube depois de se envolver numa briga em uma casa noturna de Santos na última sexta-feira. Disse que o assunto era para a diretoria e ela se manifestou nesta segunda através de Paulo Autuori, superintendente de futebol.

Em entrevista coletiva no CT Rei Pelé, o dirigente revelou que o caso será analisado pela direção do clube nos próximos dias, aproveitando que Cueva estará com a seleção do Peru para a disputa de amistosos na semana que vem.

"Já falei de direitos e deveres. Não se pode analisar coisas de maneiras isoladas. É preciso ter cuidado. Ele vai estar na seleção peruana e vamos definir as coisas com o departamento jurídico neste período. Temos que ter muito cuidado porque o jogador é um patrimônio do clube", disse Autuori.

"Temos as coisas muito claras. Temos tempo até ele voltar da seleção para analisar. Ele já falou da possibilidade de sair para outro clube. Não foi possível por conta da relação com seu clube da Rússia", prosseguiu o dirigente, citando a necessidade de autorização do Krasnodar para transferências no momento.

Outro assunto abordado na entrevista foi a recriação de um time B do Santos a partir de 2020. Ele contará com atletas de até 21 anos para ser utilizada na transição entre a base e o profissional.