Diário da Região

16/08/2019 - 00h30min

Economize

Tabelão traz preços de 120 produtos dos supermercados

Veja pesquisa de 120 itens em 14 supermercados

Nathane Piloto 14/8/2019 Juliana Fernandes Oliveira é adepta da lista para não perder o controle
Juliana Fernandes Oliveira é adepta da lista para não perder o controle

Fazer uma lista de compras na hora de ir ao supermercado não traz apenas economia financeira, mas também poupa o tempo do consumidor. Se planejar é essencial para quem não quer extrapolar o orçamento, sem contar que as chances de cair na tentação de comprar mais do que precisa vão ser menores.

Para fazer a lista, separe os itens por categorias, dessa forma não tem como esquecer nenhum produto. Comece pelos itens básicos, depois produtos de higiene, limpeza, congelados, refrigerados, bebidas.

Para a consultora financeira Juliana Batista, se organizar dessa forma é mais uma economia. "A lista é um bom aliado do consumidor para não ultrapassar o orçamento". Ela sugere, para quem faz a lista no papel, anotar os valores dos produtos comprados para conferir no caixa e não pagar mais caro. Isso também pode ser feito pelo celular.

É o que tem feito a dona de casa Juliana Izilda Fernandes Oliveira para diminuir os custos das compras. "Faço a lista para não comprar os supérfluos e escolho sempre os produtos que estão em oferta."

Na pesquisa desta sexta-feira, 16, o Diário cotou preços de 120 produtos em 14 supermercados de Rio Preto. A variação total chegou a R$ 365,57.

Clique Clique aqui para ver tabela de preços de cesta básica

Clique Clique aqui para ver tabela de preços

 

Cuidados na hora de dar mesada às crianças

A mesada é uma ótima ferramenta para inserir as crianças e jovens no universo financeiro. No entanto, há alguns erros cometidos pelos pais que podem fazer com que tenha o efeito contrário, dando maus exemplos à nova geração. O educador financeiro Reinando Domingos fala sobre os principais erros na hora da mesada.

  • Desequilíbrio. A criança não deve guardar todo o seu dinheiro para os sonhos. Ela precisa separar 50% de sua mesada para o consumo cotidiano e se dar ao direito de comprar algo que deseja - sem excessos.
  • Violação. Os pais não devem usar o dinheiro que a criança vem guardando para os seus sonhos como empréstimo. Essa recomendação pode parecer absurda, mas existem muitos casos em que os pais ou responsáveis mexem no cofrinho do filho ou retiram algum valor da caderneta de poupança da criança para pagamento de uma conta da casa ou mesmo para uso particular.
  • Ruptura. Nunca atravesse as etapas de esforço e crescimento de seu filho. Jamais compre o objeto de sonho dele antes que a criança consiga juntar o dinheiro para conquistá-lo. Isso fará com que ele registre na mente, para o resto da vida, a ideia de que não precisa lutar para conquistar as coisas que deseja.
  • Permissão. Aprenda a dizer não, é para o bem da criança. Durante a implementação da mesada, os pais vão se deparar com a seguinte situação: a criança vai gastar todo o dinheiro antes de o mês terminar. É natural, ela está aprendendo e vai pedir mais quando isso acontecer. Mas ela deve vivenciar as consequências de seus atos.
  • Desmedida. A mesada não pode ser usada nem como prêmio, nem como castigo. A mesada deve ser respeitada e jamais virar uma moeda de troca ou "barganha" entre pais e filhos.
  • Remuneração. A mesada não é salário. Salários são pagos para quem trabalha e criança não pode e não deve trabalhar. Esse é um dos conceitos que nunca é demais reforçar, para que as coisas fiquem realmente claras. Salário é salário, mesada é mesada!
  • Sonegação. Os adultos devem ensinar às suas crianças, desde cedo, que tudo que compramos deve vir com nota fiscal, desde um chocolate até uma bicicleta. Portanto, não deem o exemplo errado para os seus filhos, negociando uma compra sem nota fiscal para obter desconto.

Organize sua lista

BÁSICOS

  • Arroz
  • Feijão
  • Açúcar
  • Café
  • Achocolatado
  • Leite
  • Pão
  • Iogurte
  • Farinha de trigo
  • Macarrão
  • Manteiga
  • Molho de tomate
  • Leite condensado
  • Creme de leite
  • Óleo
  • Azeite
  • Vinagre
  • Requeijão
  • Sal

UTILIDADES / LIMPEZA

  • Detergente
  • Desinfetante
  • Água sanitária
  • Sabão em pó
  • Sabão em pedra
  • Amaciante
  • Álcool
  • Inseticida
  • Saco de lixo
  • Papel-toalha
  • Guardanapo
  • Papel-alumínio
  • Esponja de aço

HIGIENE

  • Shampoo
  • Condicionador
  • Sabonete
  • Desodorante
  • Papel higiênico
  • Creme dental
  • Fio dental
  • Escova de dentes
  • Cotonete
  • Algodão
  • Absorvente

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.