Diário da Região

21/08/2019 - 08h52min

PREJUÍZO

Vítimas têm prejuízo de mais de R$ 10 mil em mesmo golpe

Bandido ligou para a vítima se passando por um funcionário do banco e afirmou que o cartão da mulher tinha sido clonado

Três mulheres, incluindo duas idosas, foram vítimas de estelionato nesta terça-feira, 20, em Rio Preto. Nos três casos os criminosos agiram da mesma forma: entraram em contato com as vítimas, afirmaram que o cartão tinha sido clonado e um motoqueiro passava para levá-lo a suposta agência. A partir daí, as mulheres começaram a constatar vários saques da conta.  

No primeiro caso uma mulher de 58 anos teve prejuízo de R$ 10 mil. De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima recebeu uma ligação de um homem que alegava ser funcionário de uma rede de supermercados, o qual afirmou que seu cartão havia sido clonado e, em seguida, ela deveria ligar para um número que ele passou.

Após a ligação, a mulher foi orientada a quebrar o cartão de crédito e colocá-lo dentro de um envelope, escrevendo o número do protocolo em um envelope que um rapaz passaria para buscar.

Enquanto a mulher ainda estava na linha com o suposto atendente, um motoqueiro passou em sua residência e pegou o envelope com o cartão.

Depois de entregar o cartão, a vítima percebeu que vários saques foram feitos de sua conta. Somados chegam a, aproximadamente R$10 mil.

No segundo caso, uma idosa de 71 anos, recebeu também uma ligação de um homem, na segunda-feira, 19, o qual alegava ser funcionário de uma agência bancária e que havia sido constatado que ela teria realizado compras no valor de R$ 1,8 mil em uma rede de hipermercados em Guarulhos.

Após negar que teria efetuado essa compra, o homem pediu para que a vítima ligasse em um número e fazer o cancelamento do cartão. Acreditando que aquele número fosse do banco, a vítima ligou e dessa vez foi orientada a colocar os dois cartões, do banco e da rede de hipermercados dentro de um envelope que um funcionário da agência iria até sua casa para fazer o recolhimento deles.

Após meia hora, o homem apareceu para pegar os cartões que estavam no envelope. 

Na terça-feira, 20, a vítima foi até a agência bancária, onde foi informada que aquele tipo de procedimento de recolhimento de cartão em residência não é realizado pelo banco e que havia sido feito um saque na sua conta no valor de R$ 1,8 mil.

O prédio onde a vítima mora têm câmeras de segurança e as imagens vão ser encaminhadas para o Distrito Policial.

No terceiro caso, uma idosa de 77 anos, recebeu uma ligação idêntica às outras. Ele chegou a entregar o cartão no envelope, mas em seguida entrou em contato com o filho e percebeu que tinha sido vítima de um golpe. Na hora eles entraram em contato com o banco e conseguiram cancelar os cartões. Até o momento, nenhum saque foi realizado no cartão da vítima.

Os casos serão investigados. 

(Colaborou Luciano Ramos)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.