Diário da Região

20/07/2019 - 23h09min

LUXO E SOFISTICAÇÃO

Como escolher o lustre ideal para um imóvel

Dos clássicos aos mais modernos, lustres dão um toque de sofisticação ao imóvel. Confira dicas para acertar na escolha deste item

Johnny Torres 17/7/2019 Para o corretor Guilherme Neilly, lustre desperta o olhar para a decoração
Para o corretor Guilherme Neilly, lustre desperta o olhar para a decoração

Deixar um imóvel com personalidade e boa aparência depende bastante da decoração como um todo, mas basta aderir a um belo lustre para que todo o cômodo se torne mais sofisticado. O item é umas das principais representações de elegância em uma residência e pode agregar não somente na beleza do espaço, mas também na boa iluminação e composição de todo plano decorativo da casa.

Não dá para não reconhecer: com diversos braços saindo de seu centro, repletos de lâmpadas e pequenas peças decorativas delicadamente esculpidas, os lustres podem ser encontrados nos mais diversos modelos e materiais, atendendo a todo tipo de gosto e permitindo escolher o estilo certo para favorecer ainda mais a decoração do imóvel.

"Muitas vezes os lustres são peças exclusivas, que decoram e embelezam todo ambiente. Eles podem roubar toda a cena ou serem discretos, mas são, sem dúvida, algo que agrega valor a um imóvel", afirma o corretor de imóveis Salvione, da Salvione Imóveis. Assim, ter um lustre decorando o espaço se torna um atrativo a mais, não somente para quem quer decorar, mas também para quem quer valorizar o imóvel para venda.

"As construções que já possuem lustres despertam um olhar para o âmbito da decoração e, por meio de um bom projeto, lustres e iluminação se encaixam no padrão do imóvel, seja seguindo um estilo mais clássico, rústico ou moderno. Desta forma, é garantida a satisfação dos clientes que pretendem adquirir um imóvel com tal perfil", acrescenta o corretor de Guilherme Neilly.

Para ter um espaço bem harmonizado, escolher o modelo certo é fundamental. "O lustre compõe a decoração do ambiente, portanto, sua escolha deve ser determinada em conjunto com os demais itens decorativos", explica João Vitor dos Reis, suporte técnico da NR Iluminação. O mesmo deve ser pensado em situações contrárias: quando ainda não se iniciou o processo decorativo, mas o item já foi instalado, o ideal é adequar todos os pontos da decoração ao modelo de lustre escolhido.

"Eles são mais usados em salas de jantar e de estar, mas também podem ser usados em dormitórios. Não existe um modelo específico para cada cômodo. O que determina é o estilo e o gosto da pessoa", afirma Reis. Além disso, é preciso considerar também a área que terá disponível para o acessório, tomando cuidado para não sobrecarregar o ambiente com uma peça maior do que o espaço pode comportar.

Pensar no material do lustre é outro ponto que não deve passar despercebido, afinal, ele fará toda a diferença na combinação com outros itens como mesas, cadeiras e cores do cômodo. Segundo Reis, os mais procurados são aqueles feitos de cristal, mas esse cenário tende a mudar. "Hoje já percebemos o surgimento de uma nova tendência na decoração de interiores, fortalecendo os lustres e pendentes mais arrojados", afirma.

Não é a toa que os lustres tem ganhado cada vez mais espaço e são um diferencial na hora de escolher um imóvel. "Com a correria em que vivemos, as pessoas acabam optando por um imóvel que se encontra mais completo, tanto com relação à iluminação, à decoração, entre outros itens, não precisando assim se preocuparem e perderem tempo indo atrás de resolverem esses detalhes", finaliza Neilly.

Para escolher bem

1. Altura certa

Procure deixar o lustre de 70 centímetros a um metro acima da mesa para evitar que o objeto atrapalhe a visão

2. Considere o material da mesa

Caso o móvel seja de vidro, opte por um lustre que emita sua luz para cima, para que não reflita na mesa e cause desconforto

3. Não exagere na quantidade

Em caso de cômodos pequenos, coloque uma única peça e de tamanho reduzido para não sobrecarregar o local

(Colaborou Larissa Senigali)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.