Diário da Região

07/07/2019 - 00h30min

DIÁRIO DA GRATIDÃO

Projeto Diário da Gratidão vai apoiar causas anticâncer

Instituto do Câncer do Hospital de Base precisa de colheres, copos descartáveis e copos para sopa para continuar alimentando os pacientes e seus acompanhantes

Guilherme Baffi 5/7/2019 Solange mostra o tipo de embalagem usada para servir os alimentos
Solange mostra o tipo de embalagem usada para servir os alimentos

A campanha Diário da Gratidão, do jornal Diário da Região, entra neste domingo, 7, em sua quarta etapa. Em julho, o foco será ajudar os pacientes que enfrentam a luta contra o câncer e seus familiares. A primeira instituição a receber as doações será o Instituto do Câncer (ICA), mantido pela Funfarme, mas, ao longo do mês, outras entidades serão beneficiadas pela campanha.

O ICA faz a diferença na vida de milhares de pacientes em tratamento contra o câncer que vivem em Rio Preto e na região, mas eles também vêm de outros estados. Em média 90% das pessoas são de fora de Rio Preto. Além das consultas médicas e procedimentos, as pessoas contam com apoio psicológico e de assistentes sociais. Os atendimentos são feitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A maioria dos pacientes tem o tumor diagnosticado no Hospital de Base.

De acordo com dados do Estado de São Paulo, o ICA-HB está em sexto lugar no Estado em número de casos diagnosticados, sendo o hospital não exclusivamente dedicado ao câncer que mais detecta esse tipo de doença. Em média, todos os anos, o complexo diagnostica de 4% a 7,5% dos novos tumores de São Paulo. 

O instituto está precisando de copos de isopor para servir sopa (parecidos com marmitas, porém menores), copos descartáveis e colheres de plástico descartáveis. O estoque dos três itens está baixo. Por mês, são gastos 30 mil copos descartáveis. Por dia, são atendidos 250 pacientes que tomam suco, chá, achocolatado e sopa e comem bolachas, pães e frutas.

De acordo com a supervisora de Oncologia Solange Cristina Fernandes Cunha, o ICA fornece bolachas e chás. A sopa - que varia sempre, mas leva legumes, arroz, fubá e macarrão -, os pães (com diversos recheios, como mortadela, manteiga, presunto e queijo), sucos e leite são servidos pela Associação de Voluntários do Hospital de Base (AVOHB). E não são só os pacientes que podem se alimentar, mas também seus acompanhantes têm direito à sopa distribuída todos os dias pela manhã e algumas vezes à tarde. Por semana, são 3 mil copos do alimento.

O serviço dos voluntários é essencial ao tratamento. "Os pacientes muitas vezes vêm em jejum, saem de casa 3h, 4h e muitos estão em quimioterapia, não conseguem comer de manhã para vir em ônibus ou van porque vão nausear. Então, vêm sem comer, não têm um alimento próprio para trazer e não têm dinheiro para comprar", diz Solange.

Silvia Martins de Souza Braga, diarista de 39 anos e moradora de Mirassol, teve um câncer na mama esquerda diagnosticado no ano passado. No início do tratamento, ia ao ICA uma vez por semana, mas agora precisa ir até o instituto uma ou duas vezes por mês. "É maravilhoso, salvou a minha vida e só posso elogiar. Muitas vezes cheguei lá sem nada e comia sopa. Servem pão e frutas. Ia com minha mãe ou minha irmã e elas comiam."

Claudete Garcia Leal, de 45 anos, mora em Votuporanga e está torcendo pela campanha de doação de potes, copos e colheres para o ICA. "Tomara que dê certo. Não pode parar. É maravilhoso o tratamento deles". Ela teve um tumor diagnosticado na perna esquerda em 2012 e o câncer se espalhou para o fígado, pulmões e medula óssea. Ela lembra que quem faz tratamento contra o câncer não pode se alimentar em qualquer lugar. "Não podemos comer sem saber qual é a procedência da comida", diz. Aposentada por conta da doença, conta que muitas vezes chega em jejum ao ICA quando tem que fazer algum exame, e, com muita fome, é salva pelos alimentos distribuídos.

Como ajudar

O Instituto do Câncer está precisando de:

  • Copos de isopor para sopa (parecidos com marmitas, mas menores)
  • Copos de plástico descartáveis
  • Colheres de plástico descartáveis
  • Basta entregar sua doação na sede do Diário da Região, que fica na Avenida Feliciano Sales Cunha, número 1515, no Distrito Industrial. As doações são recebidas todos os dias, das 8h às 18h
  • Instituições que ajudam pacientes de câncer e seus familiares que estiverem precisando de doações e que desejem participar da campanha podem entrar em contato pelo e-mail millena.grigoleti@diariodaregiao.com.br ou pelo telefone (17) 2139-2179

A campanha Diário da Gratidão

  • Desde o fim de fevereiro, a Campanha Diário da Gratidão já promoveu a doação de sangue, de leite materno, de roupas e a doação de animais

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.