Diário da Região

13/03/2019 - 00h30min

NOVA VOTAÇÃO

Parlamento britânico rejeita acordo do Brexit mais uma vez

Pixabay/Divulgação Brexit, defendido pela primeira-ministra Theresa May, implica na saída da Inglaterra da União Europeia
Brexit, defendido pela primeira-ministra Theresa May, implica na saída da Inglaterra da União Europeia

O Parlamento britânico rejeitou novamente nesta terça-feira, 12, por 391 votos contra e 242 a favor, o plano do Brexit defendido pela primeira-ministra Theresa May. Na primeira vez em que o acordo foi votado, em janeiro, May foi derrotada por 432 a 202. Após dois meses de negociação, a premiê conseguiu convencer apenas 41 parlamentares a apoiá-la.

A votação ocorre depois de a primeira-ministra Theresa May ter viajado a Estrasburgo, na França, para negociar com líderes europeus, no último de uma série de esforços feitos pela política para obter concessões da União Europeia e tentar tornar o acordo negociado por Londres e Bruxelas aceitável para os deputados britânicos.

Com a decisão, uma nova votação deverá ser realizada nesta quarta-feira, 13, para definir se haverá Brexit sem acordo ou se o Reino Unido buscará uma postergação do processo de saída da União Europeia.

Sem acordo

Por meio de seu porta-voz, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que a votação em que o Parlamento britânico rejeitou pela segunda vez a proposta da primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, para a saída da União Europeia "aumentou significativamente a probabilidade de um Brexit sem acordo". A opinião é compartilhada pelo negociador-chefe da UE para o Brexit, Michel Barnier, que escreveu no Twitter que as preparações do bloco para a separação abrupta "são agora mais importantes que nunca".

Para Tusk, um eventual pedido do governo britânico pela extensão do Artigo 50, que adiaria o Brexit, demandaria uma justificativa "razoável" e "crível". Confrontados com essa solicitação, acrescentou, os demais 27 Estados-membros da UE considerariam e decidiriam sobre o pedido "por unanimidade". Segundo ele, "se há uma solução ao atual impasse, ela só pode ser encontrada em Londres".

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso