Diário da Região

06/12/2018 - 15h01min

MAGIA NATALINA

Correios de Rio Preto receberam 2,1 mil cartinhas de Natal

Até agora, 1,4 mil cartinhas foram adotadas na cidade

Divulgação Campanha tem o objetivo de presentar crianças que escreveram cartinhas para o Papai Noel e enviaram aos correios
Campanha tem o objetivo de presentar crianças que escreveram cartinhas para o Papai Noel e enviaram aos correios

Se você tem a intenção de deixar o natal de uma criança mais feliz, tem até a próxima sexta-feira, 7, para adotar uma cartinha dos Correios e presentear uma criança. O objetivo da campanha é presentar crianças que escreveram cartinhas para o Papai Noel e enviaram aos correios. No interior do estado de São Paulo foram escritas 84 mil cartas, sendo que 55 mil já foram adotadas. Só em Rio Preto, foram 2,1 mil cartas escritas e 1,4 mil adotadas até agora.

Com a intenção de estimular as crianças a escreverem cartas, a campanha também espalha valores natalinos, como a solidariedade, atendendo pedidos de crianças que se encontram em uma situação mais carente. Os presentes priorizados são brinquedos, material escolar e roupas. Outros pedidos também poderão ser avaliados.

Como enviar as cartinhas?

A criança, junto dos familiares, pode deixar a cartinha em uma agência dos Correios até a próxima sexta-feira, 7. No caso da pessoa não conseguir ir até uma agência, a cartinha pode ser depositada em uma caixa de coleta instalada nas ruas ou entregar ao carteiro.

Como adotar um das cartinhas?

O padrinho deve ir até a agência dos Correios, ler as cartinhas disponíveis e adotar uma delas. É possíve adotar quantas cartinhas quiser. Em seguida, deve levar o presente, até o dia 14 de dezembro, à mesma agência onde fez a adoção. Os Correios farão a entrega para a criança.

Entrega dos presentes

Após os presentes serem recebidos na agência, eles são colocados no fluxo postal. À medida que chegam já vão sendo encaminhados para entrega. Não é permitida a entrega direta do presente, tanto que o endereço da criança não é informado para o padrinho. Assim, é possível preservar a identidade da criança e, principalmente, manter a magia do Natal, fazendo com que a figura do Papai Noel seja a responsável pela entrega do presente.

(Colaborou Luciano Ramos)

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso