Diário da Região

17/11/2018 - 19h08min

EU CHEGO LÁ

A semana seguinte ao Enem

Alunos contam como foi o desempenho nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio

Divulgação/Kelvin Maria Eduarda Baratti e Carolina Beatriz Pinheiro Basso
Maria Eduarda Baratti e Carolina Beatriz Pinheiro Basso

No fim de semana passado, aconteceu o último domingo de provas do Enem e o exame ainda é assunto entre os estudantes de todo o País. Entre as mais discutidas ao longo da semana, a questão de matemática anulada se destaca. De acordo com o Inep, a questão foi cancelada por já ter sido utilizada em um vestibular em 2013 e isso quebra a regra de que as questões usadas nas provas precisam ser inéditas. Ainda de acordo com a instituição, esse cancelamento não afeta em nada a nota dos estudantes.

Os gabaritos também foram destaque nas discussões dos alunos. Eles foram publicados no último dia 14 e os ajudaram a ter uma ideia do que acertaram. Mas a nota ainda é um mistério, já que o Enem segue o sistema da Teoria de Resposta ao Item, a TRI, para fazer a avaliação.

A opinião dos estudantes é bastante dividida no que diz respeito ao desempenho, mas uma coisa é unânime entre eles: a dificuldade das provas. O exame é conhecido pelas questões que exigem bastante do candidato, abordando muitas vezes alguns assuntos que não são acessíveis para todos.

De acordo com a estudante do cursinho Kelvin, Maria Eduarda Baratti, que pretende cursar medicina, o Enem abrange um conhecimento geral, porém muitas vezes a educação básica do país não atinge esse nível exigido.

"De uma maneira geral, a prova abrangeu vários assuntos relacionados ao momento que estamos vivendo hoje, e um dos pontos positivos da prova foi ter citado assuntos como a questão do feminismo, homossexualidade e outros aspectos importantes na sociedade. Mas devo afirmar que não acho que foi uma prova fácil de ser resolvida, acho que foi uma prova bem distante da qualidade da educação básica brasileira", conta.

Ela, que já prestou a prova outras vezes, conta que este ano estava mais preparada e conseguiu utilizar melhor o tempo disponibilizado para a solução das questões. Isso colaborou para seu melhor rendimento, sendo o melhor dos anos em que ela fez a prova.

Para a estudante Carolina Beatriz Pinheiro Basso, que também pretende cursar medicina, esse ano foi mais tranquilo e ela se sentiu mais confiante graças às aulas que frequentou no cursinho.

"Eu já fiz Enem nos anos anteriores, esse já é meu segundo ano de cursinho e eu senti que o Kelvin me preparou muito bem pra encarar essa prova", diz. Ela já conferiu o gabarito oficial e conta que está ansiosa pela nota final e espera que ela seja suficiente para entrar no curso que deseja.

Para o professor Antônio Henrique Corrêa, os alunos do Kelvin contaram que, como nos anos anteriores, o Enem exigiu muita leitura para conseguir interpretar as questões. "Isso faz com que o aluno fique em dúvida em pelo menos duas das alternativas de uma questão. A extrema concentração e a sensação de dúvida, gerada pela incerteza da resposta, transmitem a sensação de que o nível da prova estava difícil", explica.

Confira o gabarito oficial

  • Os estudantes já podem conferir suas respostas de acordo com o gabarito oficial do Inep. Ele está disponível no site da instituição e basta acessar https://enem.inep.gov.br/. A nota final será divulgada no dia 18 de janeiro 

Como a nota pode ser utilizada

  • A nota no Enem pode ajudar na hora de ingressar na faculdade. Além dos tradicionais vestibulares, a nota pode ajudar também em alguns programas estudantis
  • Sistema de Seleção Unificada (Sisu): O Sisu é um recurso do governo que oferece vagas em universidades públicas no País. Ele abrange todos os cursos e funciona por meio de um processo seletivo que utiliza a nota do Enem como seleção, além de contar a redação
  • Programa Universidade para Todos (ProUni): O ProUni reserva uma quantidade de bolsas parciais e integrais nas universidades privadas que são bem avaliadas pelo MEC. Como critério de avaliação, é levada em conta a participação mais recente na prova do Enem, uma média maior do que 450 pontos nas provas, não ter zerado a redação e ter concluído toda a grade escolar exigida pelo MEC
  • Fundo de Financiamento Estudantil (Fies): O Fies é o programa do governo que oferece o financiamento do curso em faculdades particulares, com prazo de longa duração para quitação. Ele não requer uma participação tão recente no Enem como o ProUni e o Sisu. Mas também exige a nota superior a 450 pontos e exclui candidatos que tenham zerado a redação

Diário do Pedro

Mara Sousa 18/5/2018 Pedro, aluno do Kelvin: segundo dia, de exatas e biológicas, foi mais tranquilo
Pedro, aluno do Kelvin: segundo dia, de exatas e biológicas, foi mais tranquilo

Pedro Calvo, 18 anos

Cursinho: Kelvin

Objetivo: Engenharia Mecatrônica na USP ou na Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Como foram as provas:

  • No primeiro dia de Enem, por ser a prova de humanas e a redação, acabo considerando que tive mais dificuldade. Também é o dia mais difícil e mais apertado devido ao tempo que você tem disponível. Nesse quesito eu acabei me surpreendendo com o tema da redação por ser um pouco mais diferente do estilo de tema que é cobrado no Enem e acabei gastando um pouco a mais de tempo nessa redação. Mas, no geral, eu acabei conseguindo ler todas e consegui marcar aquelas que eu considerava corretas.
  • Já no segundo dia, por eu ter mais facilidade em exatas e biológicas, acabou sendo mais tranquilo pra mim. Consegui ganhar tempo em algumas questões de biologia e de química, e esse tempo extra eu usei para fazer as questões mais difíceis de matemática. Ainda não conferi o gabarito oficial, estou esperando passar os vestibulares para poder conferir sem nervosismo.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso