Diário da Região

05/10/2018 - 00h30min

Artigo

Por que quero ser governador

Divulgação Paulo Skaf (MDB)
Paulo Skaf (MDB)

Decidi encarar o desafio de ser governador de São Paulo porque acredito que já passou da hora de os problemas do estado serem enfrentados de uma vez. Chega do jogo de empurra. Ninguém aguenta mais a inércia na qual mergulhamos.

Além do mais, acredito que é preciso - e possível - fazer política de uma forma diferente, a partir de uma nova visão, pautada na seriedade e na honestidade, com competência, preparo e eficácia.

Esse é o momento de transformar a nossa realidade, investindo de maneira eficiente em áreas cruciais como a educação, a segurança, a saúde, além de incentivar o desenvolvimento, gerar empregos e estimular o empreendedorismo. Eu sei como fazer isso.

E só se muda um estado transformando a vida das pessoas que nele vivem. Para isso, é necessário que contemos com um governo de verdade, que valorize e respeite o cidadãos e ofereça os meios pelos quais eles possam evoluir, crescer - e saber que seus filhos também poderão progredir.

Para cumprir essa tarefa, vou utilizar toda a experiência que acumulei nas minhas atividades industriais, no agronegócio e nos anos que passei à frente de entidades como o Sesi, o Senai, a Fiesp, o Ciesp e o Sebrae.

Observe o caso da educação. Ela é ao mesmo tempo um suporte e um trampolim para que conquistas, tanto pessoais como coletivas, sejam alcançadas em uma sociedade.

Graças a Deus, tive a oportunidade de dar a meus cinco filhos educação em tempo integral de qualidade. Quando assumi a presidência do Sesi, meu sonho era que todos os alunos tivessem a mesma oportunidade. Não foi fácil realizar essa tarefa. Boa parte do corpo técnico da entidade achava que ela era inviável. Mas realizei esse sonho, implantei o ensino em tempo integral de qualidade, mantendo as finanças em ordem.

Agora, tenho um novo sonho - e experiência para torná-lo realidade. Vou levar para a rede pública o mesmo padrão de excelência que criei nas escolas do Sesi e do Senai.

Esse modelo tem como pilares professores motivados, ensino em tempo integral, laboratórios com tecnologia de ponta, comida de verdade (com arroz, feijão, carne), além do permanente estímulo a atividades esportivas e culturais.

E há muito mais a fazer. Temos de romper, por exemplo, o estado de insegurança no qual vivemos. Assim, é preciso reestruturar a segurança pública, começando por uma maior integração entre as polícias Civil e Militar.

Devemos ainda reassumir o comando dos presídios, hoje nas mãos do crime organizado. Como governador, defenderei no Congresso mudanças na lei penal. Chega de "saidinhas" e "visitinhas". E quem for condenado a dez anos de prisão vai cumprir toda a pena.

A saúde também precisa ser reorganizada, nem prontuário eletrônico temos em São Paulo.

Na infraestrutura, vamos colocar São Paulo de volta nos trilhos, com investimentos na expansão do Metrô e no trem intercidades, conectando as regiões metropolitanas do estado.

Na prática, como paramos no tempo - e, em muitos casos, regredimos -, mudanças se fazem urgentes em todos os setores. Tudo virou prioridade.

E sempre me perguntam: existem recursos para essas mudanças? Sim, existem. Ocorre que hoje eles vão parar no ralo do desperdício, jogados ali pela má política e pela ineficácia.

Isso não aconteceria caso os administradores focassem sua atuação no que realmente interessa - ou seja, nas pessoas.

Hoje, o que se vê é o contrário. O governo suga todo nosso esforço para alimentar a si mesmo. Na prática, não nos devolve serviços públicos de qualidade.

Mudar de vez essa lógica é fazer um governo de verdade. É para isso, afinal, que quero ser governador. Quero começar a construir uma nova história no nosso estado.

Paulo Skaf, é candidato a governador do Estado de São Paulo pelo MDB

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso