Diário da Região

10/10/2018 - 00h30min

POSICIONAMENTO OFICIAL

Partidos definem apoios; cúpula tucana bate-boca

Líderes vizinhos se posicionam também; chileno diz que Haddad não inspira confiança

Reprodução/Facebook Sebastián Piñera, presidente chileno, declarou apoio a Bolsonaro
Sebastián Piñera, presidente chileno, declarou apoio a Bolsonaro

Depois da confirmação de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições presidenciais 2018, os demais partidos começaram a definir a posição que adotarão no pleito. No primeiro turno, Bolsonaro obteve 49,2 milhões de votos (46,03%) e Haddad, 31,3 milhões (29,28%). O segundo turno está marcado para o dia 28.

Após bate-boca entre o presidente do PSDB, Geraldo Alckmin, e o candidato do partido ao governo de São Paulo, João Doria, os tucanos decidiram liberar os correligionários e não vão apoiar nenhum candidato no segundo turno da disputa presidencial entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

"Não apoiaremos nem o PT nem o candidato Bolsonaro. O PSDB decidiu liberar seus militantes e seus líderes", anunciou Alckmin após reunião da executiva nacional que ocorreu na sede do partido, em Brasília. Ele pontuou que a liberação do partido significa neutralidade na campanha.

Na reunião acalorada que definiu o apoio formal do partido, Alckmin chamou Doria de "temerista". O candidato tucano ao governo de São Paulo cobrava do tucanato mais ajuda financeira às campanhas dos candidatos a governos estaduais que passaram para o segundo turno. Alckmin interrompe Doria e diz: "Traidor, eu não sou".

Já o PTB, em nota divulgada nesta terça, anunciou apoio a Bolsonaro. Segundo a nota, as propostas econômicas do candidato do PSL são o principal motivo do apoio. Por sua vez, o PP divulgou um documento em que declara que manterá postura de "absoluta isenção e neutralidade" no segundo turno. Porém, a senadora Ana Amélia, vice na chapa de Geraldo Alckmin já havia se antecipado e anunciado apoio a Bolsonaro.

Outro que tende a apoiar o deputado é o Novo, que concorreu no primeiro turno com João Amoêdo. Nesta terça, o partido informou que não vai apoiar nem Fernando Haddad (PT) nem Jair Bolsonaro (PSL). No entanto, a sigla declarou, em nota aos militantes, que é "absolutamente" contrária ao PT, que, segundo o Novo, "tem ideias e práticas opostas às nossas".

Já o Psol, que disputou o primeiro turno com Guilherme Boulos, declarou que irá apoiar o candidato do PT neste segundo turno. A decisão foi tomada pela Executiva Nacional do partido.

Na América do Sul

O governo argentino reagiu com cautela e considerou o que o processo eleitoral brasileiro vem correndo dentro da normalidade.

Na noite de segunda-feira, 8, foi a vez do presidente chileno, Sebastián Piñera, se pronunciar a favor do líder na corrida pela Presidência do Brasil.

Num evento em Madri, na Espanha, disse que ele "tem um bom plano para a economia" e que "os sinais que está dando no sentido de promover sua abertura, reduzir o déficit fiscal, o tamanho do setor público com privatizações são coisas que um país como o Brasil, que é um gigante, precisa."

Acrescentou que Haddad (PT) lhe provoca "certa desconfiança porque ninguém o conhece direito, nem como pensa."

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso