SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | DOMINGO, 26 DE SETEMBRO DE 2021
Saúde e Beleza

Presbiopia, a doença de quem já chegou aos 40 anos

A condição ocular é associada ao envelhecimento do olho, caracterizada por diminuição da capacidade de focar

Gisele BortoletoPublicado em 26/08/2018 às 00:30Atualizado há 08/07/2021 às 03:04

Se você tem mais de 40 anos, provavelmente já começou a sentir os efeitos da famosa "vista cansada". Está ficando mais difícil ler um livro, jornal ou revista, não é mesmo? As telas do computador e do celular, então, são um grande desafio. Até retocar a maquiagem ou fazer a barba têm sido tarefas complicadas. Esses são os sintomas da chamada presbiopia, que começa a surgir a partir dos 40 anos de idade e se caracteriza pela dificuldade em focalizar objetos mais próximos, especialmente com pouca luz.

O oftalmologista Murilo Bertazzo, do HO Redentora, afirma que a partir dos 40 anos todos nós passamos a ter dificuldade de enxergar de perto por causa da presbiopia ou vista cansada. "A diminuição da visão de perto é causada pelo envelhecimento do cristalino - lente interna do olho - que perde a flexibilidade para focalizar automaticamente as imagens em diferentes distâncias", explica.

A estimativa é que no Brasil pelo menos 75% da população adulta com mais de 40 anos apresente dificuldade para enxergar de perto. Já em termos globais, de acordo com a empresa Market Scope, há cerca de 1,7 bilhão de pessoas e esse número deve subir para 2,1 bilhões em 2020. Segundo o oftalmologista Renato Neves, a maior parte das pessoas que têm presbiopia nunca ouviu falar sobre o problema ou acha que faz parte da vida - e por isso deixa de buscar ajuda especializada e conhecer as opções de tratamento.

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por