Diário da Região

10/08/2018 - 00h44min

Integração Esportiva

Caravana das famílias embala futebol sub-11 no Paulista

Time sub-11 do Rio Preto, líder e sensação no Campeonato Paulista, conta com a integração dos pais que alugam ônibus para ir aos jogos e organizam confraternizações nos horários de folga

Fotos: Arquivo Pessoal Pais e mães acompanham Jacarezinho por todo o Estado. Neste sábado eles vão para Presidente Prudente, enquanto a molecada defende a liderança do Grupo 1, com 16 pontos. São cinco vitórias, uma derrota e um empate no Paulista Sub-11
Pais e mães acompanham Jacarezinho por todo o Estado. Neste sábado eles vão para Presidente Prudente, enquanto a molecada defende a liderança do Grupo 1, com 16 pontos. São cinco vitórias, uma derrota e um empate no Paulista Sub-11

Fazer parte da rotina dos filhos com afinco é a missão de famílias que acompanham todos os jogos do time sub-11 do Rio Preto no Campeonato Paulista, seja onde for. Eles alugam van ou ônibus e fazem o que for preciso para assistir de perto aos filhos, vivendo a expectativa de que se tornem atletas profissionais.

"Apesar de estarem em uma competição, ainda são crianças em fase de desenvolvimento. Então a integração da família com eles gera segurança. É a nossa filosofia de trabalho, a gente tenta trazer a família para o próximo, não só em viagem, mas em treinos também", comentou o técnico do Jacarezinho, Daniel Garcia, que é educador físico e psicopedagogo.

Antes de cada partida, a turma de 24 atletas e os familiares tomam café da manhã reunidos no vestiário ou em algum quiosque. Tudo organizado e preparado pela comissão técnica e pelos pais. Quando as partidas são realizadas fora da cidade, eles passam o fim de semana em um rancho em Fronteira, cedido pelo pai de um dos atletas. Este ano eles já foram para Marília (duas vezes) e Osvaldo Cruz.

"As mães ajudam a fazer a comida e preparar lanches, e os pais são monitores durante a noite e ajudam nos treinos físicos e táticos. E ainda tem alguns que cuidam da parte financeira e burocrática", disse Ana Matsumoto.

Uma vez por mês, a turma também organiza jantares para integração das famílias fora dos estádios. Mãe do meia-atacante Enzo Henrique, de 11 anos, Ana é autônoma e divide o tempo entre o trabalho em uma autoelétrica e o acompanhamento do filho. "Vejo como uma forma de relaxar, passar confiança e estabelecer vínculos", falou a mãe.

Já o pai do atacante Igor, Moisés Dias é professor universitário e consultor empresarial, fica encarregado da parte financeira e cuida dos gastos, da arrecadação do time para realizar as viagens e dos jogos em Rio Preto. "É como uma família, nos tornamos amigos e nossos filhos passaram a se encontrar fora dos jogos. Até trabalhos profissionais aconteceram a partir dessa amizade", comentou o consultor.

E a integração do Rio Preto Sub-11 tem dado certo. O Jacarezinho é líder do Grupo 1, com 16 pontos, com cinco vitórias, um empate e apenas uma derrota na temporada. Neste sábado, 11, a turma se prepara para viajar até Presidente Prudente e encarar o Grêmio. Depois, ainda pela primeira fase, vão a Penápolis e Bauru. "As crianças vão pegando uma vontade maior de serem atletas, passando a ter uma visão diferente de como se faz futebol. Futebol também é fora de campo e essas ações colaboram para dentro das quatro linhas. A família tem sido fundamental nesses resultados", disse Daniel.

O técnico chegou ao Rio Preto em março deste ano e já havia aplicado essa tática da integração familiar no Monte Azul. Neste ano, os meninos treinam toda tarde de quinta-feira no Ceprol da Unirp. A equipe é formada por atletas de diversas cidades, como Frutal, Orindiúva, Fronteira, Olímpia, Araçatuba e Rio Preto. "Essa integração é importante nessa idade, porque estão começando a entender o mundo do futebol. Com eles mais velhos já não sei se seria tão eficaz", opinou Daniel.

(Colaborou Victor Stok)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso