Diário da Região

29/07/2018 - 00h00min

Saúde emocional

Pessoas disciplinadas têm mais chances de obterem êxito

A habilidade exige autocontrole e ações e reações sobre o que acontece ao seu redor

Pixabay/Divulgação O caminho da disciplina
O caminho da disciplina

Sem ela, as chances de superar os obstáculos que surgirão ao longo do caminho são bem maiores. Estamos falando da disciplina, uma habilidade que, embora reconhecida por muitos como importante para atingir qualquer objetivo, poucos se esforçam verdadeiramente para colocá-la em prática.

Mas calma, ninguém está tentando fazer com que sua vida seja um mar de regras rígidas como única forma de atingir seus sonhos. Ao contrário do que você pode estar pensando, ter disciplina não significa viver se cobrando ou ter um estilo de vida limitado e restritivo. A habilidade de se disciplinar denota autocontrole, um sinal de força interior e controle de si mesmo, o que inclui suas ações e reações sobre o que acontece ao seu redor.

"A vida coloca desafios e problemas no caminho e, para superá-los, você tem de agir com perseverança e persistência e isso, naturalmente, exige disciplina", diz o empresário e empreendedor Marcus Marques. Ter essa habilidade faz com que você se torne mais autoconfiante e melhore sua autoestima, o que, consequentemente, trará felicidade e satisfação para a sua vida. Por outro lado, a falta de disciplina no trabalho e na vida pessoal leva ao fracasso, desânimo, problemas de saúde e relacionamentos. "Pessoas que têm disciplina conseguem traçar metas para alcançar seus objetivos e colocá-las em prática sem se perder no meio do caminho", explica.

"Sonhos precisam de disciplina, e disciplina precisa de foco, estratégia e escolhas, que, por sua vez, implicam perdas", diz o escritor e psiquiatra Augusto Cury. Sonhos sem disciplina produzem pessoas frustradas, e disciplina sem sonhos produz pessoas autômatas, que só sabem obedecer a ordens.

Características das pessoas disciplinadas

  • São perseverantes
  • Possem a capacidade de não desistir, apesar das falhas e dos contratempos
  • Têm autocontrole
  • Possuem a capacidade de resistir a distrações ou tentações
  • Tentam várias vezes até conseguir realizar o que se propuseram a fazer

Fonte: Marcus Marques

 

artigo

Divulgação Juliana Paes Garcia, coach de carreira e alta  performance
Juliana Paes Garcia, coach de carreira e alta performance

"A difícil arte de cumprir as metas"

Já estamos na segunda metade do ano. De tudo o que você se comprometeu a fazer, quanto realmente já realizou? Em um ano cheio de distrações como este, em que já tivemos uma crise política e econômica, Copa do Mundo e ainda temos eleições pela frente, é grave o risco de perder o foco no meio do caminho e chegar ao final do ano sem ter realizado nem metade de tudo que gostaria de ter feito. Isso acontece porque nossa mente está constantemente tentando nos manter na zona de conforto. Mudar dá trabalho, pois vamos contra os nossos hábitos: uma programação já estabelecida no nosso sistema de agir sempre da mesma maneira.

Se você quer encontrar um novo emprego, por exemplo, vai precisar fazer coisas diferentes do que tem feito até hoje: atualizar seu currículo, melhorar seu perfil do LinkedIn, ser proativo em fazer networking, desenvolver habilidades para aumentar sua empregabilidade. Mas o seu cérebro preguiçoso vai preferir que você continue no sofá, assistindo Netflix ou deixando tudo para a última hora, e a última hora, eventualmente, se transforma em nunca. Como sair desse impasse? Como realmente cumprir as metas que você estabeleceu? O primeiro passo é ter consciência da importância que essa meta tem para você.

Dá trabalho conquistar seus objetivos, então se eles não forem realmente importantes para você, se você não enxergar valor real e que te dê uma motivação intrínseca, na primeira dificuldade seu cérebro vai te convencer a desistir. Reflita: a sua meta é importante para você ou você está fazendo porque alguém ou alguma situação externa te exigiu? Se a sua meta não for mais importante do que todas as "tentações" que concorrem com ela, você não terá a tração interna necessária para vencer os seus hábitos, e os seus sonhos irão mais uma vez morrer na praia.

Juliana Paes Garcia, Coach de carreira e alta performance

Nem sempre é fácil

Nem sempre é fácil cumprir de maneira obstinada as tarefas propostas com o intuito de atingir as metas estipuladas inicialmente. Uma dica do empreendedor digital Bruno Picinini é começar todos os dias pelas tarefas mais complexas. "Começar o dia de maneira mais produtiva faz com que o resto dele seja mais produtivo", diz o empreendedor digital Bruno Picinini. Comece pelas atividades mais complicadas sem medo, pois são elas que mais movimentam seu negócio. "Até porque, se sua força de vontade acabar antes da hora, o dia já terá valido a pena, você já terá feito as tarefas principais que mais geram resultados", explica.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso