Diário da Região

    • -
    • máx min
07/07/2018 - 00h30min

RIO DE JANEIRO

Crivella oferece ajuda a pastores na prefeitura

O prefeito do Rio, Marcello Crivella (PRB), promoveu um evento no Palácio da Cidade, sede da Prefeitura, na última quarta-feira, 4, em que ofereceu facilidades a pastores e líderes de igrejas. Entre os auxílios, estão cirurgias de cataratas e varizes para fiéis e a assistência a pastores que tivessem problemas de IPTU em seus templos. A notícia do encontro reservado foi divulgada pelo jornal "O Globo", que esteve no evento. Segundo a reportagem, os pastores foram convidados para a reunião, chamada de "Café da Comunhão", por meio de mensagem no WhatsApp. Os organizadores chegaram a pedir que os participantes não registrassem o encontro. Além disso, solicitaram reivindicações por escrito, relações de suas igrejas e número de fiéis.

Crivella, que é bispo licenciado da Igreja Universal, discursou por mais de uma hora e exaltou o pré-candidato a deputado federal pelo PRB, Rubens Teixeira. A reportagem divulga áudios do encontro. Em uma deles, Crivella diz que, se "os irmãos" tivessem alguém na igreja com problema de catarata era só procurar um de seus assessores. "É só conversar com a Márcia que ela vai anotar, vai encaminhar e, daqui a uma semana ou duas, eles estão operando", disse o prefeito no áudio gravado pelo jornal carioca. O prefeito também ofereceu ajuda a pastores com problema no pagamento do IPTU. "Igreja não pode pagar IPTU, nem em caso de salão alugado. Nós temos que aproveitar que Deus nos deu a oportunidade de estar na Prefeitura para esses processos andarem", disse.

Em nota, a prefeitura disse que a reunião "teve como objetivo prestar contas e divulgar serviços para a sociedade, entre eles o mutirão de cirurgias de catarata e o programa sem varizes".

O Ministério Público do Rio informou que a coordenação das promotorias de Justiça da Cidadania vai analisar se houve "inobservância da laicidade do Estado", conferindo tratamento privilegiado aos fiéis de um determinado segmento religioso - o que é proibido pela Constituição e pode, em tese, configurar improbidade administrativa.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso