Diário da Região

    • -
    • máx min
07/07/2018 - 00h30min

DUELO ENTRE 'IRMÃOS'

Suécia e Inglaterra disputam vaga entre os quatro melhores da Copa

Federação Inglesa/Divulgação Sterling, que ainda não marcou na Copa da Rússia, em treino
Sterling, que ainda não marcou na Copa da Rússia, em treino

Todos que cresceram nos anos de 1970 na Suécia, e até depois, tinham como grande referência de futebol a quase vizinha Inglaterra. Até mesmo o técnico sueco Janne Andersson, 55, que para recolocar o país escandinavo entre os quatro melhores de uma Copa 24 anos depois terá que derrotar o seu "segundo país".

"Sou um grande fã do futebol inglês", disse Andersson, um dia antes do confronto decisivo contra a Inglaterra, na Arena Samara. Segundo ele, na década de 1970, passavam poucos jogos na TV por semana, mas, na Suécia, só "assistíamos a Premier League".

O todo poderoso futebol inglês, que havia sido campeão do mundo em 1966, era a grande referência para os suecos. Apesar de o futebol nos dois países ter evoluído, uma característica se mantém igual na avaliação do treinador sueco. "O espírito de luta durante a partida é o mesmo."

Como não prepara nenhuma surpresa para o jogo, a Suécia estará em campo, com o tradicional 4-4-2, que vem utilizado nos últimos anos. Apesar de ter sido criado pelo futebol inglês, nos anos 1960, o esquema é que poderá tirar da Copa a própria Inglaterra, outra seleção que não figura entre as quatro melhores em um Mundial desde 1990. "Para jogar contra os ingleses, é o conjunto que tem de funcionar. Você precisa se preocupar com tudo. Ataque e defesa", afirma Andersson.

Sem nenhum destaque individual, e com um time que joga na defesa, mas com um esquema de contra-ataques rápidos, o trunfo sueco tem sido exatamente o de repetir, e repetir, sua forma de jogar.

Artilheiro da Copa com seis gols, Harry Kane está próximo de igualar os sete tentos anotados por Ronaldo no Mundial de 2002. O atacante inglês disse que seria ótimo atingir a marca, mas que o foco é a equipe. "Nem sabia disso. Para mim, o trabalho é ajudar o time o máximo possível fazendo gols e pressionando. Espero marcar, seria incrível, mas o foco é ajudar o time", falou. A classificação às quartas de final após a vitória sobre a Colômbia nos pênaltis animou a torcida inglesa. Mesmo assim, o camisa 9 evitou falar sobre uma possível final. "Não pensamos em ser campeões ainda. Este é o segundo tempo do torneio, temos uma grande oportunidade para dar outro passo", explicou.

 

Ficha técnica

SUÉCIA

Olsen; Krafth, Lindelof, Granqvist, Augustinsson; Claesson, Larsson, Ekdal, Forsberg; Berg, Toivonen. Técnico: Andersson.

INGLATERRA

Pickford; Walker, Stones, Maguire; Trippier, Dele Alli, Henderson, Lingard, Ashley Young; Sterling, Harry Kane. Técnico: Gareth Southgate.

Árbitro: Bjorn Kuipers (HOL). Local: Arena Samara, em Samara, às 11 horas deste sábado, 7, com transmissão ao vivo dos canais Fox Sports, Globo e Sportv.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso