Diário da Região

    • -
    • máx min
06/07/2018 - 00h30min

Cidade russa

A bela e miscigenada Kazan, palco das quartas

Reprodução  Torre Soyembike, que é inclinada
Torre Soyembike, que é inclinada

O Brasil é conhecido pela grande miscigenação de povos desde seu descobrimento e colonização até os dias atuais. Então podemos dizer que a Seleção Canarinho vai se sentir em casa no duelo contra a Bélgica, nesta sexta-feira, 6, às 15 horas, na cidade de Kazan, região centro-oeste da Rússia. Capital da República do Tartaristão, Kazan abriga uma população de maioria islâmica de origem tártara e de mais uma centena de nacionalidade. O que faz com que tenha língua e culturas próprias.

A área já fez parte do Império Mongol e no século 16 passou ao controle russo. Na Rússia, o que determina a nacionalidade de uma pessoa não está no local de nascimento, mas sim a origem familiar (jus sanguinis), que aqui tratamos de etnias, mas lá são tratados como nações - existem mais de 100 em solo russo segundo pesquisas.

Fundada em 1005, Kazan tem hoje uma população estimada de 1,3 milhão de habitantes e com uma riqueza cultural enorme, com parques, museus, catedrais e pontos turísticos como a Torre de Spásskaya, considerada um patrimônio da humanidade pela Unesco, e o Kremlin de Kazan. Suas principais forças estão na indústria, finanças e serviços gerais.

Um dos principais endereços turísticos da Rússia, a cidade recebe cerca de 1 milhão de pessoas anualmente. O Kremlin, às margens do rio Kazanka, possui edificações históricas, museus. Dentro do Kremlin, a Torre Soyembike reserva misticismo nos seus 58 metros de altura. Com uma inclinação de quase 2 metros, é associada à Torre de Pisa.

Não se sabe o tempo de sua construção, mas existe uma lenda que, depois de dominar Kazan, Ivan, o Terrível, se apaixonou por uma czarina local de nome Soyembike. A construção teria sido um presente exigido pela bela moça e foi erguida em sete dias. No dia do casamento, porém, a czarina subiu ao seu topo e se jogou.

Em Kazan, outro local que chama a atenção é o Palácio da Família, ou Centro da Família, onde são feitas as celebrações de matrimônios. Foi inaugurado em 2013 e faz até 100 casamentos por dia.

O Lago Kabán, Parque do Milênio, Parque Tsentral'nyy, Museu Nacional da República do Tartaristão, Parque Zoológico e Jardim Botânico de Kazan, Museu do Islã, Museu das Ilusões, Aquaparque Riviera são outros endereços procurados.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso