Diário da Região

    • -
    • máx min
15/06/2018 - 00h30min

O GUARDIÃO

Brasil aposta em quarteto ofensivo para levar o hexa

Com Willian, Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus entre os titulares, cresce a importância de Casemiro e Paulinho na proteção à defesa

Casemiro terá a missão de proteger a defesa, que ficará mais exposta com a presença do quarteto ofensivo
Casemiro terá a missão de proteger a defesa, que ficará mais exposta com a presença do quarteto ofensivo

Doze anos após o fracasso na Copa da Alemanha, quando foi eliminada nas quartas de final pela França, a Seleção Brasileira reviverá a formação com um quarteto ofensivo no Mundial da Rússia. Pelo menos essa é a equipe ensaiada por Tite para a estreia na Copa, diante a Suíça, no domingo, 17, em Rostov.

E há ao menos duas grandes semelhanças entre o quarteto de 2006, denominado de quadrado mágico, e o atual: a formação considerada titular foi utilizada em pouquíssimos jogos antes da primeira partida da fase de grupos; e o número de gols marcados pelas duas formações na temporada que antecedeu a Copa - 80.

Neymar, Coutinho, Willian e Gabriel Jesus iniciaram jogando juntos apenas uma vez - no amistoso contra a Áustria, no domingo, 10, em Viena. Eles também atuaram outras três vezes durante o segundo tempo. No total, o quarteto esteve em campo por 77 minutos. E resolveu. Obteve vitórias contra as seleções do Equador, da Croácia e da Áustria e empatou diante da Colômbia.

A opção pelo quarteto foi idealizada por Tite em razão das características dos dois primeiros adversários, que têm a organização defensiva como ponto forte. O segundo será a Costa Rica, no dia 22. "Fiquei muito feliz e me sinto extremamente orgulhoso com o nível de concentração, com a competitividade leal. Eles se concentraram em jogar. Essa equipe está amadurecendo. Teve um bom desempenho em um jogo de contato", disse o treinador brasileiro, ao aprovar a performance da equipe com essa formação ante a Áustria.

Sem Fernandinho, sacado para a entrada de Willian, os volantes Casemiro e Paulinho terão a missão de proteger a defesa.

Se o quarteto atual iniciou jogando apenas uma única vez, o quadrado mágico de 2006 havia começado juntos três partidas até a estreia contra a Croácia no Mundial da Alemanha. Ronaldinho, Ronaldo, Kaká e Adriano jogaram na vitória sobre a Venezuela, pelas eliminatórias sul-americanas, e nos amistosos de preparação diante do FC Luzern, da Suíça, e da Nova Zelândia.

Na Copa do Mundo, porém, o time teve dificuldades para vencer a Croácia e a Austrália. Goleou o Japão com um time misto. Diante de Gana, nas oitavas de final, vitória tranquila por 3 a 0. Contra a França, nas quartas de final, Parreira sacou Adriano, que havia tido atuações fracas, e colocou Juninho Pernambucano. A intenção era dar mais mobilidade ao ataque da seleção. Em campo, o Brasil foi apático e viu um show de Zidane na vitória francesa por 1 a 0.

 

Pesquisa aponta otimismo

Uma pesquisa realizada pelo Kantar Ibope Media mostrou que os torcedores brasileiros acreditam no hexa. Das 4.196 pessoas entrevistadas nas regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife, Salvador, Belo Horizonte, Curitiba e no Distrito Federal, 66,4% têm a Seleção Brasileira como a favorita ao troféu. A Alemanha aparece em seguida, com 16,6%.

Entre os jovens de 10 a 19 anos, o otimismo é ainda maior: 71,8% dizem que o Brasil será campeão. Já entre os queridinhos da Seleção, Neymar é apontado por 46% como o grande destaque dos jogos. Gabriel Jesus e o técnico Tite aparecem na sequência, com 16% e 7,1%.

O levantamento ainda apontou alguns hábitos do torcedor brasileiro: 80% dos entrevistados vão assistir ao campeonato com os familiares, enquanto 37,7% querem torcer com os amigos. (FP)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso