Diário da Região

    • -
    • máx min
13/06/2018 - 23h15min

PEQUENAS NO TOPO

Estudo coloca municípios da região no topo do saneamento

Estudo aponta que entre cerca de 2 mil municípios brasileiros, apenas quatro estão em dia com saneamento básico; Uchoa e Santa Fé do Sul são destaques entre as cidades com até 100 mil habitantes

Google Maps/Reprodução Uchoa e Santa Fé do Sul (foto) são destaques entre as cidades com até 100 mil habitantes
Uchoa e Santa Fé do Sul (foto) são destaques entre as cidades com até 100 mil habitantes

Apenas quatro municípios brasileiros estão com 100% de saneamento básico, de acordo com Ranking ABES da Universalização do Saneamento, publicado nesta quarta-feira, 13. Destes, dois deles têm até 100 mil habitantes e são da região: Uchoa e Santa Fé do Sul. Já Rio Preto aparece na 31ª posição no ranking dos municípios acima de 100 mil moradores.

O estudo da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental analisou 1.894 cidades, 88% municípios com até 100 mil habitantes. Levantamento permite saber a porcentagem da população que conta com abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e coleta e destinação de resíduos sólidos.

Nesses quesitos, Santa Fé e Uchoa levaram nota máxima. As cidades ficaram no topo da primeira classificação, "Rumo à universalização", ao lado de outros 78 municípios brasileiros das regiões Sudeste e Sul, que obtiveram nota acima de 489 pontos.

Para o Departamento de Água e Esgoto de Santa Fé do Sul, a classificação se deve à autonomia da autarquia, como também aos investimentos. Com 32 mil habitantes, a cidade conta com 184 quilômetros de rede de água, 167 quilômetros de coleta de esgoto e dois aterros para lixo doméstico e hospitalar.

"Entre os trabalhos realizados temos uma usina que tritura o entulho que é aproveitado nas estradas para diminuir o lixo jogado no aterro sanitário", afirmou o superintendente do departamento, Armando Rossafa Garcia.

Em Uchoa, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente destacou a retomada do funcionamento da estação de tratamento de efluentes. "O emissário voltou a funcionar com a substituição da tubulação", afirmou o chefe de divisão da pasta, Rodolfo Martins Felici.

Com pontuações menores, outros oito municípios da região também estão no ranking das 51 cidades com até 100 mil habitantes e com melhor saneamento do ranking. Entre elas estão Votuporanga, com 499,18 pontos, e Ilha Solteira, com 489,12 pontos.

Na outra ponta, ao menos 13 municípios da região estão na terceira categoria - "Empenho para a Universalização" (se comprometeram com políticas de saneamento, mas ainda registram índices abaixo do ideal), com notas entre 200 e 449 pontos. Turmalina ficou com a pior classificação, com 71,14 pontos na coleta de resíduos sólidos, e 344,87 pontos no total.

Culpa dos loteamentos

No ranking das cidades acima de 100 mil habitantes, a nota máxima foi para Piracicaba, com população de 397.322 pessoas, e São Caetano do Sul, com 159.608 habitantes. Nesta primeira categoria das cidades de grande porte, 29 cidades foram classificadas, entre elas, Catanduva com 497,60 pontos.

Já Rio Preto entrou para o ranking na segunda categoria, como cidade com "Compromisso com a universalização", com 487,86 pontos. Com uma população estimada em 450.657, a cidade registrou 93,9 pontos em abastecimento de água e coleta de esgoto. No restante dos requisitos, alcançou 100%.

Para o Serviço Municipal Autônomo de Água e Esgoto (Semae), o que impede Rio Preto de ficar no topo do saneamento são os novos loteamentos, até então irregulares. Das mais de 50 áreas regularizadas de 2017 para cá, três estão com a rede instalada e uma quarta está em fase de implementação.

"Os rankings não levam em conta as áreas rurais. Então, municípios com mais áreas urbanas ficam mais privilegiados porque é mais fácil atender toda população", afirmou a gerente de planejamento, projetos e obras da autarquia, Ceci Bueno de Caprio.

Segundo ela, a previsão para concluir toda malha dos loteamentos é para final de 2019. "Ano que vem deve chegar a 98%". Já sobre a meta de 100%, a gerente afirmou que para isso acontecer é necessário zerar as áreas sem infraestrutura.

Ranking do saneamento

Primeira classificação - Rumo a Universalização do Saneamento - Cidades até 100 mil habitantes

  • Santa Fé do Sul - 1º
  • Uchoa - 1º
  • Votuporanga - 4º
  • Fernandópolis - 18º
  • Mirassol - 20º
  • Tabapuã - 23º
  • Ouroeste - 40º
  • Itajobi - 45º
  • Santa Adélia - 50º
  • Ilha Solteira - 51º

Terceira Classificação - Empenho para universalização do Saneamento - Cidades até 100 mil habitantes

  • Olímpia - 131º
  • Bálsamo - 146º
  • Ipiguá - 168º
  • Ibirá - 178º
  • Valentim Gentil - 216º
  • Ubarana - 241º
  • Cardoso - 306º
  • Severínea - 335º
  • Macaubau - 352º
  • Turmalina - 469º

Primeira classificação - Rumo a Universalização do Saneamento - Cidades acima de 100 mil habitantes

  • São Caetano do Sul - 1º - 500 pontos
  • Catanduva - 12º - 497,60 pontos

Segunda classificação - Compromisso com a universalização - Cidades acima de 100 mil habitantes

  • Votorantin - 1º - 488,26 pontos
  • São José do Rio Preto - 2º - 487,86 pontos

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso