Diário da Região

29/05/2018 - 00h30min

Mercado imobiliário

Imóveis com dois quartos são os mais cobiçados

Apartamentos do tipo econômico, com até 45 metros quadrados de área útil e valor inferior a R$ 230 mil, têm o maior índice de vendas e oferta em Rio Preto, mostra estudo do Secovi

Johnny Torres 28/5/2018 Atualmente, há oferta de 819 unidades disponíveis para venda na cidade
Atualmente, há oferta de 819 unidades disponíveis para venda na cidade

Apartamentos de dois dormitórios, do tipo econômico, com metragem de até 45 metros quadrados de área útil e valor inferior a R$ 230 mil são os preferidos dos rio-pretenses. A constatação faz parte do estudo do Mercado Imobiliário, divulgado ontem pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP), em parceria com a Robert Michel Zarif Assessoria Econômica.

Esse tipo de imóvel destacou-se em quase todos os indicadores, entre junho de 2017 e maio de 2018, registrando a maior quantidade de vendas (1.257 unidades), de oferta (251 unidades), de Valor Global de Vendas (R$ 174,2 milhões) e o melhor desempenho de comercialização, que atingiu Vendas Sobre Oferta de 83,4%, resultado da divisão das 1.257 unidades vendidas em relação aos 1.508 em oferta.

Para o economista Hipólito Martins Filho, são três os fatores responsáveis por esse perfil imobiliário: renda, questão demográfica e liquidez. "Com todas as incertezas, as pessoas não querem entrar num compromisso tão longo. Ficam com medo. As famílias também estão menores, então optam por casas menores. E, como a mobilidade é maior, moram mais longe, em locais mais baratos. Se precisar vender, é mais fácil."

Ainda de acordo com o levantamento, entre junho de 2017 e maio de 2018, foram lançadas no município 428 unidades, volume 86,2% inferior ao período anterior, quando os lançamentos totalizaram 3.112 residências. Nesse mesmo intervalo, foram comercializados 1.696 imóveis novos. O resultado representa uma redução de 25,1% em relação às 2.263 unidades vendidas e contabilizadas no levantamento passado.

Entre os lançamentos, o maior destaque foi para os imóveis de três dormitórios (200 unidades), que teve uma participação de 46,7% no total lançado.

Ao se considerar todo o período de estudo, de junho de 2015 a maio de 2018, os lançamentos totalizaram 7.260 imóveis residenciais, dos quais 6.441 unidades foram comercializadas - ou seja, 88,7% dos imóveis ofertados ao longo desses 36 meses pesquisados. As vendas atingiram um montante de R$ 1,097 bilhão. O produto que mais se sobressaiu no período, em lançamentos e vendas, foi o de imóveis de dois dormitórios econômicos, com metragem de até 45 metros quadrados de área útil e preço inferior a R$ 230 mil.

Clique na imagem para ampliar  (Foto: Reprodução)

Estoque

O estudo apurou a oferta de 819 unidades disponíveis para venda em maio deste ano. O montante corresponde a uma redução de 66,6% em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando houve o apontamento de 2.454 unidades não comercializadas. Esta oferta é formada por imóveis na planta, em construção e prontos (estoque), lançados nos últimos 36 meses (abril de 2015 a maio de 2018).

Para o diretor regional do Secovi em Rio Preto, Alessandro Nadruz, a queda no estoque de imóveis da cidade (66,6%) foi muito acentuada, o que pode representar algumas dificuldades para o futuro. "Temos 819 unidades remanescentes. Basta um aquecimento maior na economia e toda essa oferta será consumida rapidamente. O setor imobiliário é diferente do automotivo, por exemplo, e a execução de uma obra leva de três a cinco anos para ser concretizada. Por isso, esperamos que o mercado imobiliário seja fortalecido rapidamente, para que os lançamentos possam ser retomados e a população conte com mais opções de imóveis", analisa.

Valor de até R$ 230 mil lidera venda

Os imóveis com preços de até R$ 230 mil se destacaram na maioria dos indicadores, no período de junho de 2017 a maio de 2018, e registraram a maior quantidade de vendas (1.284 unidades), de VGV (R$ 180 milhões) e o melhor desempenho de comercialização, com VSO de 81,5%. Por sua vez, os imóveis com valores entre R$ 230 mil e R$ 500 mil tiveram maior destaque entre os lançamentos (196 unidades), o que equivale a 45,8% do total, e a maior quantidade de oferta (464 unidades).

Neste mês, o preço médio por metro quadrado de área útil dos imóveis residenciais verticais em Rio Preto foi de R$ 4,3 mil, com variação nominal negativa de 9,1% em relação a igual período do ano passado. Os valores médios de venda dos imóveis praticados no período analisado de 36 meses (junho de 2015 a maio de 2018) foram: R$ 216 mil (um dormitório econômico), R$ 321 mil (um dormitório), R$ 127 mil (dois dormitórios econômicos), R$ 320 mil (dois dormitórios) e R$ 464 mil (três dormitórios).

Os imóveis com metragem inferior a 45 metros quadrados de área útil lideraram, entre junho de 2017 e maio de 2018, em termos de comercialização (1.210 unidades), VGV (R$ 176,2 milhões) e tiveram o melhor desempenho de vendas, com VSO de 81,9%.

Os imóveis com metragem entre 86 metros quadrados e 130 metros de área útil tiveram maior destaque entre os lançamentos (136 unidades) e os imóveis com área de 46 metros quadrados e 65 metros quadrados tiveram a maior oferta (323 unidades).

Vendas

Entre junho de 2017 e maio de 2018, o VGV totalizou R$ 354,2 milhões, volume 13,8% inferior ao registrado no levantamento passado, quando atingiu a marca de

R$ 411 milhões. Nos 12 meses, o indicador VSO - que apura a porcentagem de vendas em relação ao total de unidades ofertadas - ficou em 67,4%, representando crescimento em relação aos 48% apontados no período anterior.

Feirão

  • O Feirão Caixa da Casa Própria, realizado durante a Construweek, neste fim de semana em Rio Preto, fechou mais de 490 contratos e negociou mais de R$ 80 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal, promotora do evento.
  • Os valores são inferiores à edição de 2017, quando houve o fechamento de 600 contratos, em torno de R$ 87 milhões.
  • Cerca de 7 mil pessoas passaram pelo evento durante os dois dias.
  • O evento colocou cerca de 3 mil imóveis à venda, com valores a partir de R$ 100 mil. Do total, 850 já estavam avaliados pela Caixa.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso