Diário da Região

24/05/2018 - 00h30min

Escolas Particulares

Professores protestam contra mudanças

Os docentes vão decidir se entrarão em greve por tempo indeterminado a partir de segunda-feira, dia 28.

Divulgação Manifestação de professores
em frente colégio em Rio Preto
Manifestação de professores em frente colégio em Rio Preto

Professores de escolas particulares realizaram panfletagem na porta de escolas e uma manifestação em frente a um colégio, nesta quarta-feira, dia 23, em Rio Preto. O ato coordenado pelo Sindicato dos Professores de São Paulo (Sinpro-SP) é contra a proposta patronal de retirar direitos da categoria após a entrada em vigor da reforma trabalhista, em novembro do ano passado.

Algumas mudanças são em relação às bolsas de estudos para filhos dos docentes - o beneficio passaria a ser limitado a um filho; ao recesso - em vez de 30 seriam 20 dias; entre outras. "A gente está reivindicando que seja mantida a nossa convenção coletiva de trabalho. O sindicato patronal chegou com pauta de 20 causas sociais conquistadas ao longo dos anos que eles querem eliminar ou modificar", disse Letícia Banzatto Monteiro Pinheiro, diretora social do Sinpro.

"Temos recebido apoio de pais de alunos, recebemos ligações de alguns cordenadores e donos de escola. A gente percebe que há inclusive um racha nas escolas entre quem são favoráveis ao sindicato patronal e outros que são contrários," disse Letícia

Os professores de Rio Preto pretendem se reunir para nova assembleia no próximo sábado, 26, para decidir se entrarão em greve a partir de segunda-feira, 28.

O presidente do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de São Paulo (SIEEESP), Benjamin Ribeiro da Silva, afirma que não há corte de benefícios. "É preciso deixar claro que eles (sindicato) perderam o imposto sindical com a reforma trabalhista e estão fazendo esse carnaval. Estamos propondo diminuir o recesso em uma semana e as férias que nem todas as escolas podem dar 30 dias corridos em julho. Outro ponto é em relação a escolas com menos de 200 alunos fornecer bolsa para um filho de professor."

Em Rio Preto, segundo o Sinpro, são cerca de 3 mil professores - 900 associados ao sindicato, distribuídos em cerca de 130 escolas.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso