Diário da Região

12/04/2018 - 23h30min

Cartas do Leitor

Escola sem Partido

Foi aprovada pela Câmara Municipal de Rio Preto a lei "Escola sem Partido". É inconstitucional, só o vereador autor do projeto não sabe. Ficam proibidos os debates nas salas de aulas. Política, religião e opção sexual, em Rio Preto pelo que sabemos nunca teve esse tipo de problema nas escolas.

A lei é somente para a rede municipal. Acontece que quando o aluno tem dúvidas sobre esses assuntos, dificilmente procura ajuda com os pais. Muito menos com os professores. Eles vão aprender erroneamente com colegas, na rua ou nas redes sociais. Parem de hipocrisia, hoje os pais pouco tempo têm para dialogar com os filhos, trabalham diuturnamente, ou às vezes pouco sabem falar sobre o assunto.

No planeta Terra tudo se rege em torno da política, não tem como um aluno prestar o Enem sem saber o que a política faz na vida das pessoas. Quanto à religião, claro que vem da família, cada qual com sua crença o difícil. É que às vezes os próprios adultos não sabem definir o que é religião. Opção sexual é o que mais os jovens sabem definir, não são os pais ou professores que colocam na cabeça deles o que é certo ou errado no sexo. Muito se vê na própria família os próprios pais se redescobrindo na mudança do relacionamento entre homem e mulher.

Maria de Lourdes Perini Gonçalves, Rio Preto.

Muros e pontes

Algumas pessoas relacionam-se de forma deficitária, cultivando poucos amigos e cavando situações de discussão a todo momento. Outras zelam pela construção aprenderam a priorizar impulso de vida saudáveis, que mostram a capacidade de sublimar os impulsos agressivos e valorizar o equilíbrio. São pessoas coerentes, que pensam, falam e agem.

Dois irmãos que moravam em fazendas vizinhas entraram em conflito. Numa manhã o irmão mais velho recebeu a visita de um homem com uma caixa de ferramentas pedindo trabalho.

O fazendeiro prontificou-se a ajudá-lo dizendo: "Claro que tenho... Você está vendo aquela fazenda além do riacho? É do meu irmão mais novo, nós brigamos. Quero que você construa uma cerca bem alta, ao longo do rio".

O carpinteiro trabalhou durante todo o dia e terminou sua obra. O fazendeiro ficou enfurecido, falou: "Você foi muito atrevido construindo essa ponte". Ao olhar novamente para ponte viu seu irmão aproximando, correndo com os braços abertos. Num impulso abraçaram-se chorando no meio da ponte. Assim como o carpinteiro algumas pessoas são sensíveis é capazes de construir pontes, e caminhar de forma serena.

Arlete Brandão Mendes, Rio Preto.

Assistência

A Apae, o Lar dos Velhinhos, o projeto Corpo e Mente em Movimento (Sacra), a Associação de Apoio à Criança e ao Adolescente de Jales (AACAJ) e outras entidades sociais de Jales estão sendo impedidas de continuar prestando serviços por falta de apoio da administração municipal.

As entidades apresentaram seus Planos de Ação e a documentação correspondente. O Departamento Jurídico da Prefeitura tem sido moroso, alegando que a lei é nova e que precisa de uma "avaliação segura". Essa lei, no entanto, é de 2014. Se em Votuporanga, Fernandópolis e outros municípios os acordos com entidades estão em pleno vigor, por que em Jales não?

Antônio de Jesus Sardinha, Vigário Geral da Diocese de Jales.

Bode expiatório

Quando eu era menino achava engraçado alguém falar que tal pessoa foi "bode expiatório", pois ele não tinha culpa, era usado para carregar a culpa dos outros. Depois de adulto descobri que esse termo estava ligado às tradições judaicas de sacrifício e expiação de pecados do povo hebreu. Essa palavra também leva a entender que um grupo pode ser acusado por pessoas más, mesmo sendo inocentes.

Assistindo pela televisão a prisão do ex-presidente Lula, foi notório que seus defensores tentaram em vão classificar como "política" a prisão, tornando-o um "bode expiatório da Lava Jato". Irreal e inaceitável uma pessoa condenada em duas instâncias por corrupção e lavagem de dinheiro alegar que sua prisão é política. O medo que uma eventual prisão convulsionaria o país e as instituições do Estado de Direito caiu por terra.

Ele perdeu a liderança por responder por inúmeras pendências jurídicas, recebimento de propinas, obstrução de justiça, tráfico de influência e organização criminosa. Há ainda várias denúncias pendentes, sendo uma delas do "quadrilhão do PT", onde é indicado como grande líder da organização criminosa que saqueou milhões de reais dos cofres públicos.

Na verdade, seus aliados não queriam um bode expiatório e sim um cadáver, um mártir, alguém submetido a suplícios pela causa esquerdista. Até teve, na minha opinião, um desfecho bom. Hoje, sozinho, sem seus antigos companheiros que estão presos em cadeias, prisões domiciliares, usando tornozeleira eletrônica, o que lhe resta são pessoas sem expressão ao seu lado.

Audinei Lopes Bonfanti, Bálsamo.

Premonição

Sempre fui eleitor do Lula porque via nele a possibilidade de tirar das mãos dos mesmos, um governo que mandava desde as Capitanias Hereditárias. Quando ganhou as eleições me perguntei, e até publiquei: e agora? Como Lula vai fazer pra governar, com aquele discurso honesto? Tinha pra mim que o derrubariam, como uma premunição anunciada.

Aquele sistema governamental poderoso desde sempre, não iria entregar os pontos, e as chaves do cofre, assim tão facilmente, principalmente porque não se consegue governar honestamente. Dito e feito, logo veio o mensalão e pensei que minha premonição estava se consumando. Mas, não, se reelegeu como também elegeu sua sucessora que, com petrolão e tudo, também se reelegeu. E deduzi: o Lula é bem mais forte do que pensei. Mas não, não só retomaram o poder com o impeachment da Dilma como colocaram Lula na cadeia para tirá-lo do circuito de vez. Então, Lula foi o presidente que ele pôde ser. Desonesto como não podia deixar de ser.

Cesar Maluf, Rio Preto.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso