X

Diário da Região

23/03/2018 - 14h58min / Atualizado 23/03/2018 - 14h58min

Raças

As raças de cães preferidas dos brasileiros

Cada raça exige cuidados específicos para manter a saúde e bem-estar do animal

Pixabay/Divulgação O labrador é ativo, sociável e gosta muito de companhia
O labrador é ativo, sociável e gosta muito de companhia

 Estima-se que no mundo todo há aproximadamente 400 raças diferentes de cães e segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) quase metade dos lares brasileiros têm cachorros. Os vira-latas ainda são os preferidos, logo em seguida vem os cães das raças poodle, pinscher, labrador e pit bull, segundo um levantamento do Instituto QualiBest, de São Paulo.

Mas você sabia que dependendo da raça, os cuidados podem ser diferentes? “É importante conhecê-las para garantir a saúde e o bem-estar do seu animal de estimação”, explica o médico veterinário e Gerente Técnico e de Pesquisa Aplicada para Animais de Companhia da Zoetis, Alexandre Merlo.

Vale ressaltar que independentemente da raça do animal, é sempre importante levá-lo ao médico veterinário regularmente, manter o calendário de vacinação em dia e cuidar da alimentação.

Confira a seguir dicas de cuidados com as raças favoritas dos brasileiros:

1º Sem Raça Definida (ouo vira-lata)

Por serem a combinação de duas ou mais raças, não apresentam padronização de suas características, mas geralmente são carinhosos, inteligentes, leais e brincalhões. É importante manter uma alimentação adequada com comidas próprias para cães, ficar sempre de olho no calendário de vacinação e promover passeios regulares. Muitos tutores acham que estes cães são mais resistentes por causa da mistura de raças, o que não é verdade. Portanto, não se pode negligenciar a alimentação ou os cuidados básicos destes cães.

2º Poodle

Há três tamanhos oficiais:Poodle Toy, Poodle Miniatura e Poodle Médio. Essa é uma raça de cães mais inteligentes e obedientes. São ótimos com crianças, amigáveis, ativos e aprendem rápido, por isso é importante cortar maus hábitos rapidamente. Os pelos do Poodle não caem quando estão mudando, portanto é importante escová-los com frequência para que não se emaranhem e machuquem o animal. Outra característica que exige atenção é o fato de os olhos lacrimejarem constantemente. Limpe diariamente ao redor dos olhos com um pano umedecido em água morna. Também fique atento às suas orelhas, pois cães com orelhas grandes podem desenvolver infecções.

3º Pinscher

Há duas variações: Pinscher Anão ou Mini Pinscher. São pequenos, mas enérgicos e corajosos, o que pode levá-los a entrar em confusão com cães maiores. Por isso, é importante ficar atento a eles durante os passeios. Esses pequenos são teimosos e independentes, podem não ser amigáveis com desconhecidos – mas de forma geral são carinhosos da maneira deles – e gostam de estar perto dos donos. São destemidos, apesar do tamanho e fragilidade do corpo, o que pode levar a fraturas em caso de quedas. São famosos por serem barulhentos. Assim como o Labrador, os Pinschers têm tendência para a obesidade, por isso devem fazer exercícios diários e seguir alimentação balanceada.

4º Labrador

O Labrador é ativo, sociável e gosta muito de companhia. Estes cães têm a fama de não gostarem de banho, mas essa raça é uma das poucas que adora nadar e estar em contato com água. Labradores precisam de atenção para não adoecerem, pois são muito apegados a seus donos. Em geral, é uma raça fácil de conviver e educar, mas também apresentam tendência à obesidade, por isso precisam de alimentação regulada e exercícios diários.

5º Pit Bull

Essa raça é conhecida pelo seu porte atlético e por ser dotada de força, agilidade e energia. São polêmicos por sua agressividade, mas isso não passa de mito. Como quaisquer outros cães, terão o comportamento de acordo com os ensinamentos do tutor, por isso é importante conhecer bem essa raça antes da adoção. São cães enérgicos, adoram passear e são apegados aos donos. Portanto, podem sofrer se os tutores passarem pouco tempo com eles. Outra questão importante é a região onde vão morar: eles preferem climas quentes por causa da pelagem curta. A pele pode ser um ponto de atenção nessa raça – as infecções e alergias são bastante comuns.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso