Diário da Região

05/03/2018 - 23h44min / Atualizado 05/03/2018 - 23h44min

DE NINGUÉM

A um mês da B-1, América está às moscas

Enquanto Zé Branco e Italiano brigam na justiça pela presidência do América, futebol fica em último plano. A um mês de começar o Paulista da Quarta Divisão, clube não tem técnico e nem jogadores

Ozair Júnior 5/3/2018 Abadonado, Teixeirão precisa de reformas na cozinha, alojamentos e manutenção no gramado
Abadonado, Teixeirão precisa de reformas na cozinha, alojamentos e manutenção no gramado

A um mês para o início do Campeonato Paulista da Quarta Divisão, o América vive um pé-de-guerra pelo poder, porém, se encontra literalmente abandonado. O clube não tem treinador ou atletas contratados, o estádio Teixeirão está descuidado e precisando de reformas na cozinha, alojamentos, o gramado está alto e sem manutenção. Inativo, o América também não tem fonte de renda e patrocinadores para honrar com a folha salarial, o que gera uma grande interrogação já que no dia 7 de abril o Rubro tem sua estreia marcada contra Catanduvense, no Teixeirão.

José Carlos Pereira Neto, o Zé Branco, foi reconduzindo à presidência por forma de uma liminar, no último dia 21 de fevereiro, substituindo Luiz Donizete Prieto, o Italiano, eleito em novembro. Nesta segunda-feira, Zé Branco recebeu uma notificação do departamento jurídico da Federação Paulista de Futebol, que não o reconhece como mandatário do América. "Não há uma ordem judicial expressa determinando à Federação, realizar a alteração em nosso sistema da presidência do América", diz trecho da primeira parte do comunicado. "Estamos dando cumprimento a ata de eleição apresentada em 27 de novembro que está devidamente registrada no Cartório de Pessoas Jurídicas, não havendo notícias de que tenha sido anulada. Portanto, solicitamos a apresentação da regularização desse ato da recondução com devido registro em cartório."

Zé Branco disse que passou o pedido ao seu advogado. "Recebi, mas não entendo muito. Será que o Reinaldo vai querer peitar a decisão do juiz aqui?", indagou o cartola, afirmando que começará a trabalhar na montagem da equipe e na estrutura do estádio na próxima semana. "Já fechei com o Espedito Vasconcelos, será meu diretor superintendente de futebol e vai ajudar diretamente na administração do América. É um acordo para três anos", disse.

A qualquer hora, uma decisão judicial também poderá destituir Italiano. O Luiz Donizete Pietro, o Italiano, presidente antes de Zé Branco conseguir a liminar, recorreu da decisão na justiça. E, nesta quarta-feira, 7, está previsto o julgamento do agravo de instrumento da decisão do juiz Marcelo de Moraes Sabbag, no Tribunal de Justiça, em São Paulo.

A reportagem do Diário esteve no Teixeirão na tarde desta segunda-feira. O portão estava aberto e não havia ninguém no estádio. "Não fui lá cedo, fui umas 14 horas, conversei com o Espedito, sai pra resolver umas coisas. Até fui lá depois para falar com vocês, mas passei mal da diabetes e fui para casa", justificou Zé Branco. "O Marinheiro mora no Teixeirão, talvez ele saiu e deixou aberto."

Outra vez Zé Branco falou de união entre os americanos, mas entrou em contradição ao ser questionado se Italiano ainda é seu vice-presidente. "O presidente sou eu, já está resolvido e estou tomando as medidas para começar o trabalho. Se ele nunca mais for lá, é coisa maravilhosa. Ou, se aparecer, é bem-vindo, é conselheiro e sócio. Estou lá como americano", afirmou Zé Branco, que afirma estar negociando com três treinadores.

Italiano tem como esperança uma decisão favorável em 2ª instância para voltar à presidência e dar sequência ao trabalho que vinha fazendo, inclusive já havia apresentado Tupanzinho como técnico. "Os patrocinadores que estão com a gente não vão ficar se ele (Zé Branco) estiver lá. Mas isso tem de ter uma solução na quarta, pois se demorar muito nem eu vou querer, senão vamos passar vergonha no campeonato", disse Italiano.

A FPF não respondeu à reportagem se o clube corre risco de punição ou mesmo de ficar fora do Paulista por conta desse episódio. Se não participar do estadual, o Rubro é passível de sofrer multa e ainda ficar fora da disputa até 2021.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso