Diário da Região

08/03/2018 - 19h41min / Atualizado 08/03/2018 - 19h43min

SAÚDE RENAL

Quinhentas pessoas fazem exames

Ação gratuita de prevenção a problemas renais aconteceu nesta quinta-feira, 8, em Rio Preto

Divulgação/Funfarme Pacientes são atendidos no Shopping HB
Pacientes são atendidos no Shopping HB

Cerca de 500 pessoas foram atendidas nesta quinta-feira, 8, durante a ação realizada pelo Hospital de Base, Famerp, unidades básicas de Saúde, Instituto de Urologia e Nefrologia, Unilago e Unip. A campanha é da Sociedade Brasileira de Nefrologia e foi realizada no dia mundial do rim. Neste ano, o foco foi na saúde renal das mulheres.

As pessoas puderam medir a taxa de glicemia, pressão arterial e glicose, além de fazer exames de urina. “Todas as pessoas cujo exame de urina deu alguma alteração mais grave, que sugira problema nos rins, nós encaminhamos para o Serviço de Nefrologia do Ambulatório de Especialidades para dar continuidade ao atendimento e para realizar exames mais complexos”, explica a enfermeira Rita Helú Ribeiro, professora de Enfermagem da Famerp, coordenadora do Programa de Aprimoramento da Funfarme/ Famerp.

O atendimento aconteceu no Hospital da Criança e Maternidade, no Shopping HB, no Plaza Avenida Shopping e no Shopping Iguatemi. 

Esperando para levar a filha, Eduarda, numa consulta oftalmológica no Ambulatório, Juliana Alves de Oliveira aproveitou para passar no Shopping HB e ver como estava sua situação. “Já tive infecção renal três vezes e, portanto, fico meio alerta com meus rins. Posso ter algum problema mais sério e não saber. Graças a Deus está tudo bem comigo. A ação é muito bacana”, afirma a participante.

 

Dr. Horácio José Ramalho, nefrologista da Funfarme e do IUN e um dos organizadores da campanha em Rio Preto, ressaltou que a gravidez e a incidência de algumas doenças nas mulheres é maior e elas podem levar à problemas crônicos nos rins. “A degradação dos rins é lenta e silenciosa, não acontece da noite para o dia. E quando se descobre o problema, ele já está bastante avançado. Doenças autoimunes, como o púpus, que acometem 10 vezes mais mulheres que homens, e a gestação podem desencadear uma doença renal crônica. Por isso, atenção à saúde da mulher ser tão importante”, explica o médico.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso