Diário da Região

08/03/2018 - 00h30min

análise

Em defesa do jeito feminino de ser e viver

Eu penso que o que é feminino é poder realizar as coisas com mais doçura, mais tranquilidade, mais intuição. Acho que a maternidade é uma coisa extremamente feminina, a mulher que se realiza com a maternidade é muito mais feliz do que aquela que vê a maternidade como uma sobrecarga, duas jornadas, acho que ela não é aproveitada direito. A mulher é mais feliz quando aproveita bem o que é feminino.

Não significa que quem não for mãe não vai ser feliz. Eu penso que tem muitas coisas que realizam a mulher, por exemplo, o trabalho, desde que ela faça aquilo que faça bem, que corresponda ao que ela é, ao que ela gosta.

Os desafios são manter de uma forma feminina as conquistas que a mulher teve nas áreas de trabalho, nas áreas de viver fora da casa. Eu vejo que muitas vezes as pessoas imaginam que o mundo do trabalho é masculino, então quando uma mulher vai para o trabalho ela acaba querendo fazer isso de uma maneira masculina, e isso não realiza a mulher.

Qualquer área que ela estiver e quiser é importante que pergunte se está vivendo isso como o que é de verdade, se está podendo se realizar como mulher no que faz. Mesmo no namoro, na vida amorosa, a mulher tem um jeito de ser que é um jeito de cuidar da casa, um jeito de se arrumar bem para estar junto com o outro, de ser carinhosa, que acho que é um jeito feminino de fazer isso.

A mulher é romântica, eu penso que se ela abandona um pouco do seu jeito de ser, do que eu observo em geral, ela não fica realizada. Eu acho que a mulher precisa conquistar tudo que ela conquistou e mais do que ela vem conquistando, não esquecendo que tem o jeito feminino. Quando isso é feito acho que ela fica muito mais realizada no seu namoro, no seu casamento, na sua vida. Eu acho que a mulher luta muito por si e pelo outro.

Marly Terra Verde, psicóloga

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso