Projeto que barra spray entra na pautaÍcone de fechar Fechar
    • São José do Rio Preto
    • máx min

Vereadores de Rio Preto votam nesta terça-feira, 27, projeto de lei que proíbe em Rio Preto a venda de spray de solda na cidade. O spray costuma ser utilizado em festas e pode causar danos à saúde, inclusive com risco de provocar a morte. A venda é proibida para menores de 18 anos, mas o produto já foi encontrado até em escolas, como no ano passado. O projeto é de autoria do vereador José Carlos Marinho (PSB). Outro projeto em pauta é de Fábio Marcondes (PR) e impede que empresas com dívidas de ISS participem de licitações da Prefeitura. Na sessão vereadores irão marcar data para sorteio que definirá os integrantes da CPI da Guarda Municipal.