X

Diário da Região

21/02/2018 - 00h30min / Atualizado 20/02/2018 - 23h34min

SUCESSÃO ESTADUAL

Doria leva a melhor e PSDB define prévia até 25 de março

Johnny Torres 30/10/2017 O prefeito de São Paulo, João Doria, durante homenagem em Rio Preto
O prefeito de São Paulo, João Doria, durante homenagem em Rio Preto

A vitória obtida pelo prefeito de São Paulo, João Doria, na reunião da executiva estadual do PSDB na segunda-feira, 19, - que definiu como 25 de março a data máxima para a escolha do candidato do partido à sucessão do governador Geraldo Alckmin - foi depois sucedida de uma decisão desfavorável aos planos do tucano. Pressionado pelos demais interessados em disputar o governo, o presidente estadual do partido, Pedro Tobias, abriu prazo de dez dias para inscrição na prévia, o que pode forçar Doria a assumir a pré-candidatura quase um mês antes do planejado.

Doria e sua equipe preferem adiar a oficialização da candidatura dele ao Palácio dos Bandeirantes até o dia 25, desde que o prefeito vença a prévia estadual. A estratégia é mostrar que ele segue gestor, não político, e que a decisão de abandonar a Prefeitura com um ano e três meses de mandato (7 de abril, prazo máximo permitido pela lei eleitoral) tem como pano de fundo a intenção de ajudar Alckmin na eleição presidencial, além de dar sequência ao seu legado à frente do Estado quando nenhum outro tucano surge como sucessor natural.

Após anunciar o placar de 16 votos a oito, pela realização de prévias em março, como desejava Doria - se o pleito ocorresse após 7 de abril, o prefeito teria de renunciar antes de concorrer -, Tobias aceitou a sugestão de Floriano Pesaro, pré-candidato assumido desde o ano passado, de que já é hora de os interessados mostrarem a cara. "Precisamos saber quem vai disputar a prévia, até para que possamos organizá-la. Minha ideia é que cada um dos pré-candidatos indique uma pessoa para compor a comissão organizadora. O partido indicará outros quatro", disse Tobias.

Para Pesaro, essa janela de inscrição se faz necessária para que o debate fique mais transparente e que a próxima reunião do diretório estadual, marcada para 5 de março, ocorra já com os pré-candidatos definidos. Luiz Felipe d'Ávilla, o outro pré-candidato tucano assumido desde 2017, também concorda com a decisão de Tobias, de delimitar um prazo de inscrição.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso