X
X

Diário da Região

25/02/2018 - 10h37min / Atualizado 25/02/2018 - 10h37min

MELHOR RESULTADO

Brasil fica fora de final no bobsled, mas consegue melhor resultado da história

Por um lado, conseguiram o melhor resultado da história do País, ao terminar na 23.ª colocação. Por outro, não alcançaram o objetivo de entrar no Top 20 e ir a uma inédita final

O quarteto brasileiro do bobsled 4-man deixou o Olympic Sliding Centre na noite de sábado (horário de Brasília) com sensações bem distintas. Por um lado, conseguiram o melhor resultado da história do País, ao terminar na 23.ª colocação. Por outro, não alcançaram o objetivo de entrar no Top 20 e ir a uma inédita final.

O quarteto formado por Edson Bindilatti, Edson Martins, Odirlei Pessoni e Rafael Souza chegou a conseguir bons resultados nos treinamentos, mas não repetiu durante a competição. Depois de terminar o primeiro dia na 25.ª colocação, os brasileiros melhoraram um pouco, subiram dois degraus, mas não foram à final.

"Evoluímos muito neste ciclo, estamos andando muito perto das principais potências. Mesmo nos Jogos Olímpicos de Sochi, a gente ainda ficava muito distante deles e agora isso não acontece mais. Mesmo sem ter neve, os esportes de inverno estão evoluindo a cada dia no Brasil, mostrando que temos potencial", considerou Odirlei.

Na terceira bateria, o quarteto brasileiro registrou o tempo de 49s80, que, somado aos resultados da sexta, levou o País ao tempo de 2min29s49. Com isso, a equipe ultrapassou Austrália e República Checa, chegando à 23.ª posição e superando a antiga melhor colocação do Brasil no bobsled, o 25.º lugar de Turim, em 2006.

"Hoje nós mostramos que estamos evoluindo. Com essa colocação inédita, conseguimos provar que somos capazes de fazer um bom resultado, superando equipes tradicionais no bobsled mundial", apontou Odirlei.

A prova mais uma vez foi dominada pela Alemanha, que colocou suas duas equipes nas primeiras colocações, com as marcas de 3min15s85 e 3min16s38. A Coreia do Sul também registrou 3min16s38 e recebeu uma outra medalha de prata, o que fez com que não houvesse bronze na prova.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso