X

Diário da Região

16/02/2018 - 00h40min / Atualizado 16/02/2018 - 00h52min

COPA DO BRASIL

Tricolor se acerta no intervalo e vai à 3ª fase

Pei Fon/ Raw Image/Agência Estado Nenê festeja o gol que abriu caminho da vitória sobre o CSA, aos três minutos do segundo tempo em Maceió
Nenê festeja o gol que abriu caminho da vitória sobre o CSA, aos três minutos do segundo tempo em Maceió

Em dois tempos, o São Paulo apresentou posturas completamente diferentes e, depois de começar apático, voltou decisivo para a segunda etapa e bateu o CSA por 2 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Rei Pelé, em Maceió. O resultado leva o clube tricolor para a terceira fase da Copa do Brasil. O próximo rival será o CRB, outro time alagoano, que bateu fora de casa o Novo Hamburgo-RS nos pênaltis por 4 a 3, após empate por 1 a 1 no tempo normal.

A lentidão do primeiro tempo preocupou o torcedor e o clima ficou tenso no estádio. O São Paulo até tentou criar espaços e articular jogadas ofensivas, mas faltava criatividade e agilidade para passar da marcação do CSA. Os mandantes foram superiores na primeira metade mesmo com menos posse de bola e mostraram oportunismo, abusando dos chutes de fora da área. Rafinha, Talisson e Leandro Kivel quase surpreenderam o goleiro Sidão.

Enquanto isso, vaias para os tricolores. No time do técnico Dorival Junior, a bola demorava para passar do setor defensivo para o meio de campo. Com mais posse de bola, o São Paulo apostou nas jogadas pelas pontas e as poucas boas oportunidades da primeira etapa surgiam pela direita.

Mais rápido na volta do intervalo, o São Paulo deixou o seu torcedor mais tranquilo já no início do segundo tempo, quando Marcos Guilherme, depois de triangulação com o meia peruano Cueva pela direita, achou Nenê sozinho na frente do goleiro, que fez 1 a 0, aos 3 minutos. O time tricolor continuou pressionando, Diego Souza tentou de fora da área, Hudson e Jucilei tentavam conduzir contra-ataques, mas foi o lateral-esquerdo Reinaldo quem lançou para Diego Souza. Dentro da área, o atacante foi derrubado pelo goleiro Mota e o árbitro marcou pênalti. Aos 16 minutos, Cueva converteu.

No final Dorival estreou Valdívia. Com a vantagem, o São Paulo puxou o freio.

Ficha técnica

CSA-AL - 0

Mota; Talisson, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Dawhan, Giva (Bruno Veiga), Yuri e Leandro Kivel (Michel Douglas); Daniel Costa e Didira (Yago). Técnico: Flávio Araújo.

SÃO PAULO - 2

Sidão; Militão, Rodrigo Caio, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Hudson, Nenê (Valdívia) e Cueva (Shaylon); Marcos Guilherme (Caíque) e Diego Souza. Técnico: Dorival Junior

Gols: Nenê, aos 3, e Cueva (pênalti), aos 16 minutos do segundo tempo. Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC). Expulsão: Yuri (CSA). Renda e público: Não disponíveis. Local: estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), na noite desta quinta-feira, 15.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso