Diário da Região

28/02/2018 - 23h35min / Atualizado 28/02/2018 - 23h35min

AMÉRICA

Justiça nega pedido de reconsideração

Zé Branco segue como presidente por força de uma liminar e nesta quarta tomou algumas ações

Guilherme Baffi 21/2/2018 Zé Branco segue como presidente por força de uma liminar
Zé Branco segue como presidente por força de uma liminar

O juiz Marcelo de Moraes Sabbag não acatou o pedido de reconsideração feito pelo ex-presidente do Conselho Deliberativo do América João Eurides Rodrigues sobre a decisão de reconduzir José Carlos Pereira Neto, o Zé Branco, à presidência do América. O magistrado despachou na tarde desta quarta-feira, 28, mantendo sua decisão e não entrando no mérito de ter havido eleições do clube no mês de novembro do ano passado, que elegeu Luiz Donizete Prieto, o Italiano.

Sabbag também rejeitou os embargos de declaração quanto ao pedido do advogado Renato Custódio da Silva para definir em porcentagens sobre a multa imposta na decisão, que era de R$ 20 mil a Rodrigues e, depois, foi majorada para R$ 70 mil, tornando o atual presidente do Conselho Deliberativo, Pedro Batista, um dos executados. Zé Branco segue como presidente por força de uma liminar e nesta quarta tomou algumas ações. "Fiquei o dia todo no Teixeirão, falei com duas pessoas interessadas em colocar jogador no América", disse Zé Branco, ainda com um 'pé atrás', uma vez que no dia 7 de março será julgado no Tribunal de Justiça o recurso do processo que o afastou do clube em meados de 2016. "Pode ser que dia 7 mudará tudo. Para o América é ruim, mas todo mundo é "Eu Futebol Clube". Se gostassem, mesmo, do América estariam aqui fazendo alguma coisa", disse Zé Branco.

O cartola afirmou que enviou um ofício à Federação Paulista de Futebol informando do seu retorno e também comunicou o fato ao escritório Carlezzo Advogados, que cuida dos direitos de formação de atletas. "Se pintar algum dinheiro não é para passar para ninguém. Amanhã (hoje) vou mudar o login na Federação para cuidar de inscrição de atletas e ai esperar dia 7", emendou Zé Branco, que foi afastado na época por várias denuncias, entre elas e de receber direitos de formação do clube na conta de uma sobrinha.

O advogado Renato Custódio esperava que fosse julgado o mandado de segurança com pedido de liminar interposto por Italiano até esta quarta, mas já se conforma que a decisão ficará para o dia 7. "Estamos aguardando a segunda instância. Tanto o mandado de segurança como o agravo têm o mesmo objetivo. O Italiano foi eleito, com os 120 membros do conselho, secretários, vices, conselho fiscal e mais presidente conselho, seguindo o estatuto do clube. Já é pacificado no TJ que vencido ou expirado mandato não tem como reconduzir. É o caso do Zé Branco", disse Custódio.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso