Netflix não vai mudar 2ª temporada de '13 Reasons Why' após denúncias de assédioÍcone de fechar Fechar

NOVA TEMPORADA

Netflix não vai mudar 2ª temporada de '13 Reasons Why' após denúncias de assédio

Jay Asher, autor do best-seller que é base da série, foi recentemente acusado de assédio sexual. A empresa, no entanto, disse que a temporada não será afetada pelas acusações


    • São José do Rio Preto
    • máx min

A já planejada segunda temporada de "13 Reasons Why", série da Netflix, não será afetada pelas recentes alegações de assédio sexual contra o autor Jay Asher. A Netflix divulgou comunicado nesta terça-feira (13) dizendo que Asher não está envolvido na nova temporada, agendada para sair este ano. O serviço de streaming acrescentou que a série "não será impactada".

O best-seller de Asher, de 2007, sobre uma adolescente suicida é a base da popular série. Na segunda-feira (12), a Associação de Escritores de Livros Infantis e Ilustradores disse que Asher foi expulso da organização por reclamações de assédio. A Federação de Escritores de Oklahoma já havia cancelado um evento com o autor em maio.

Asher disse que escolheu deixar a associação e que foi ele a vítima de um assédio. Em um e-mail, ele reconheceu ter envolvimentos "consentidos com adultos".

"Estou envergonhado de mim mesmo e da dor que nossas ações causam em nossas famílias", escreveu. "Durante a última década de assédios relacionados a esses envolvimentos, eu nunca retaliei. Vou seguir deixando meus acusadores na condição anônima para poupá-los de ainda mais sofrimento", finalizou.