Forte chuva interdita pontes e inunda casaÍcone de fechar Fechar

TEMPESTADE

Forte chuva interdita pontes e inunda casa

Moradora do Jardim São Paulo, em Rio Preto, teve prejuízos no imóvel


    • São José do Rio Preto
    • máx min

O temporal desta terça-feira de Carnaval deixou estragos em Rio Preto e região, com a interdição de pontes e transtornos para alguns moradores. Choveu 43,8 milímetros cúbicos (mm³), segundo dados da Cetesb, e os ventos chegaram a 25 km por hora.

A casa da cabeleireira Juliana Paiva Barro de Melo, no Jardim São Paulo, foi tomada pela água, causando diversos prejuízos. "A casa alagou inteirinha. Acabei indo dormir de madrugada, pois tive que limpar a sujeira que a chuva causou. A parede do meu banheiro acabou caindo."

A moradora diz que terá que jogar peças de roupas fora. E essa não foi a primeira vez que a casa inundou. Juliana mora no local há 16 anos e a situação se repete a cada chuva. "Sempre que chove acontece isso. Minha casa cheira a mofo. Já entrei com uma ação na Justiça contra a prefeitura, mas até agora nada. Tenho medo da minha casa cair em cima de mim e dos meus filhos qualquer dia."

O desempregado Rogério Leuzino Pereira estava na região do bairro no momento da chuva, e ajudou alguns motoristas que ficaram ilhados. "Estava no bar e logo os carros, que estavam entre a rua Capitão Sebastião e Aurélio Tonelli, foram tomados pela água. Ajudei a empurrar alguns carros que ficaram ilhados."

O temporal também provocou a queda de árvores no Jardim Jandira, no Caic e na avenida Philadelpho. No bairro Rio Preto 1, parte da ponte da avenida Antônio Buzzini cedeu por conta do volume da chuva. No Jardim Santo Antônio, os moradores ficaram sem energia durante a tempestade. Na avenida Murchid Homsi, o canal não suportou o grande volume de água e transbordou.

Em nota, a Prefeitura de Rio Preto, por meio das Secretarias de Obras, Trânsito e Serviços Gerais, informou que os locais citados pela reportagem e outros bairros foram visitados pelas equipes e já estão sendo limpos, a previsão para conclusão é até a próxima segunda-feira. Sobre a ponte, os engenheiros da Prefeitura vão avaliar a situação do local. A Guarda Civil foi acionada para sinalizar e evitar acidentes.

Região

Em Votuporanga, a ponte da rodovia Péricles Bellini (SP-461), que liga a cidade a Nhandeara, sofreu danos na estrutura após a forte chuva e foi interditada nos dois sentidos. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, a ponte, que faz a travessia sobre um córrego, sofreu danos estruturais.

Para desviar, motoristas têm de entrar em Votuporanga ou utilizar rotas alternativas por rodovias e vicinais, como as rodovias Eliéser Montenegro Magalhães e Deputado Bady Bassitt.

Em José Bonifácio, a tempestade teve até chuva de granizo. Por conta da velocidade dos ventos, diversas árvores e postes de iluminação acabaram caindo. Os toldos de alguns estabelecimentos comerciais da cidade, também ficaram danificados.

(Colaborou Rone Carvalho)