X
X

Diário da Região

28/02/2018 - 19h34min / Atualizado 28/02/2018 - 20h16min

HOMEM FICOU TETRAPLÉGICO

Investigação sobre Thermas de Olímpia segue emperrada

Justiça adiou pela quinta vez o julgamento do habeas corpus que tem o objetivo de arquivar o inquérito policial

O Tribunal de Justiça de São Paulo adiou mais uma vez o julgamento do habeas corpus que tem o objetivo de arquivar a investigação policial do caso do empresário Carlos Alberto Magon, que ficou tetraplégico após cair de um brinquedo no Thermas dos Laranjais, em Olímpia, em julho de 2015.

A Polícia Civil encaminhou à Justiça o parecer para que o inquérito fosse arquivado, mas o Ministério Público (MP) contestou. O juiz acatou a posição do MP e determinou o prosseguimento da investigação. A defesa do parque entrou então com o pedido de habeas corpus, para que o inquérito seja interrompido.

Esta é a quinta vez que o julgamento é adiado pelos desembargadores. O assunto deve ser colocado em pauta na próxima quarta-feira, dia 7 de março. "É um fato raro. Desde dezembro em cinco sessões não foi decidido nada. Estamos com esse problema", disse Eduardo Lemos Barbosa, advogado de Magon.

A reportagem entrou em contato com Márcio de Souza Polto e Gledson Marques de Campos, advogados do Thermas. O primeiro não atendeu ao telefone e o segundo informou que não poderia responder às questões no momento. 

Depois de Magon, o turista Edson Aparecido Sertorio também sofreu um acidente na bolha gigante do Thermas e ficou tetraplégico. Os dois casos estão vinculados no que diz respeito à investigação policial, pois, segundo Barbosa, a Justiça entendeu que o que servir para Magnon também servirá para a segunda vítima. 

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, mas foi informada que o cartório já estava fechado, portanto não seria possível tentar verificar a razão para o novo adiamento de julgamento.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso