Diário da Região

13/02/2018 - 11h32min / Atualizado 13/02/2018 - 21h07min

ACIDENTE

Afogamento no Guarujá leva guarda de Rio Preto à UTI

O último boletim médico informa que Ricardo permanece inconsciente, internado na UTI

Reprodução Internet Ricardo dos Santos Medonecky estava de férias na casa da irmã
Ricardo dos Santos Medonecky estava de férias na casa da irmã

O guarda civil municipal de Rio Preto Ricardo dos Santos Medonecky, de 27 anos, está internado em estado grave no Hospital de Santo Amaro, após ter se afogado, na segunda-feira, dia 12, em uma praia de Pitangueiras, no Guarujá, litoral paulista.

O guarda trabalha no patrulhamento de Rio Preto há cinco anos. Ele é solteiro e mora na cidade com familiares. O rapaz aproveitou a folga para ir até a cidade do litoral para visitar sua irmã.

Segundo informações da Guarda Civil Municipal (GCM), Ricardo foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros. Depois de receber os primeiros cuidados, ele foi encaminhado para o pronto-socorro do Hospital Santo Amaro.

O último boletim médico informa que Ricardo permanece inconsciente, internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital. Ele está entubado e respira com ajuda de aparelhos.

Os guardas municipais estão fazendo correntes de oração pelas redes sociais, pedindo restabelecimento do companheiro de trabalho. Na página do Facebook do guarda, amigos e familiares mandam mensagens de ânimo. O caso está sendo acompanhado pelo diretor da corporação, Sílvio Pedro da Silva.

"O Ricardo é um guarda muito querido entre todos os companheiros. O acidente deixou todos muito comovidos. O pessoal está unido em orações pedindo pelo restabelecimento dele. Já avisei ao prefeito Edinho (Araújo) sobre a situação dele. Só não vai ser possível a transferência dele para Rio Preto, porque seu estado de saúde é muito delicado", comenta o diretor.

O coordenador operacional da Guarda de Rio Preto, Vitor Cornachioni, afirma que a Guarda Municipal do Guarujá entrou em contato imediatamente com a Prefeitura de Rio Preto, quando descobriu que Ricardo era guarda municipal. A corporação da cidade litorânea foi quem deu as primeiras informações sobre o estado de saúde do rapaz.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso