Diário da Região

12/02/2018 - 10h49min / Atualizado 12/02/2018 - 21h13min

MIRASSOL

Homem morre atropelado por trem após tentar matar mulher

Dona de casa tinha ferimentos no braço e na barriga causados por uma serra elétrica

Mara Sousa 12/2/2018 Flávia do Carmo Ribeiro ficou com a mão e a barriga feridas
Flávia do Carmo Ribeiro ficou com a mão e a barriga feridas

Um pedreiro de 55 anos, Cione Rodrigues da Fonseca morreu atropelado por uma locomotiva, depois de tentar matar a mulher, Flávia do Carmo Ribeiro, de 36 anos, usando uma serra elétrica, na madrugada de domingo, 11, em Mirassol.

O casal mora em uma casa, no bairro Recanto do Beija Flor, com quatro filhos, de sete, dez, 17 e 20 anos, os dois últimos são filhos apenas dela. No sábado, dia 10, chegaram a fazer um churrasco em companhia com os vizinhos.

"Tudo estava numa clima muito bom. Ele e meu marido estavam bebendo, mas todo mundo na paz. De madrugada eu acordei com os gritos de socorro", diz a vizinha.

Flavia acordou o barulho da serra elétrica, abriu os olhos e viu o marido vindo em sua direção com a ferramenta, com intenção de serrar seu corpo.

"Eu só tive tempo de tentar segurá-lo. Mesmo assim, a serra me atingiu na mão esquerda e na minha barriga. Minha blusa ficou toda rasgada. Comecei a gritar por socorro. Meu filho de 17 anos, veio correndo do quarto me socorrer", relata a dona de casa.

O adolescente entrou no quarto do casal e empurrou o padrasto de deixou cair a serra elétrica. Ele se levantou e deu um soco no rosto do enteado, o jovem revidou com outro soco.

Cione saiu correndo de casa subiu na passarela de pedestre em cima da linha ferrea e ficou sentando. Ao perceber a aproximação da viatura da Polícia Militar, e o som da chegada de uma locomotiva o pedreiro desceu da passarela e deitou na linha de trem. A cabeça foi separada do corpo e ele morreu na hora.

O maquinista da locomotiva afirma que não teve como evitar o atropelamento, porque o homem surgiu repentinamente na frente do trem.

A dona de casa afirma vivia 11 anos com o pedreiro, mas nos últimos anos, ele começou apresentar crises de ciume, com agressões físicas e xingamento. Os filhos mais velhos de 17 e 20 anos eram obrigados a segurar o padrasto para acabar com as brigas.

"Desta vez, ele fez de caso pensado. Teve tempo de pegar a extensão de fio, ligar a serra elétrica na sala, para chegar até no quarto para me matar. Se não fosse meu filho, eu estaria morta", diz a vítima.

Peritos criminais foram chamados até o local onde foi encontrado o pedreiro morto. O corpo foi enviado para o Instituto Médico Legal (IML) de Rio Preto e o laudo ficará pronto em 30 dias. O sepultamento do corpo ocorreu no domingo, dia 11.

A dona de casa foi orientada a passar pelo IML para fazer exames de corpo delito e o caso será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher. Ela pretende mudar de residência, porque diz que não sente mais vontade de ficar casa em que vivia com o marido.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso