X
X

Diário da Região

30/01/2018 - 23h30min / Atualizado 30/01/2018 - 23h30min

BALANÇO 2017/PERSPECTIVA 2018

João Dado defende pré-candidatura de França

Dado citou ainda a importância da "fidelidade partidária" para justificar sua posição em relação ao vice-governador

Guilherme Baffi 30/1/2017 O prefeito de Votuporanga, João Dado (SD), em entrevista à TV Diário
O prefeito de Votuporanga, João Dado (SD), em entrevista à TV Diário

O prefeito de Votuporanga, João Dado (SD), defendeu o nome do vice-governador Márcio França (PSB) como o sucessor natural do governador Geraldo Alckmin (PSDB). Ele baseia sua disposição em apoiar uma eventual candidatura de França a decisão do cacique de seu partido, o sindicalista e deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força. "Não há motivo para não apoiar aquele que o Solidariedade apoiar", afirmou. "Nosso vice-governador terá da parte do prefeito de Votuporanga todo o carinho."

Dado citou ainda a importância da "fidelidade partidária" para justificar sua posição em relação ao vice-governador. Essa foi uma maneira que o prefeito encontrou para também mandar recado ao vereador Emerson Pereira (SD), que ocupava a Secretaria de Direitos Humanos, e acabou demitido por Dado após fazer críticas à direção da Santa Casa do município. "Emerson Pereira não será oposição para nós, o que seria o desastre para ele", afirmou.

Dado participou nesta terça-feira, 30, da série de entrevistas promovida pela TV Diário com prefeitos da região de Rio Preto. Nesta quarta, 31, é a vez de André Pessuto (DEM), de Fernandópolis.

Dado falou da ajuda que recebeu de deputados estaduais e federais, que, segundo ele, enviaram cerca de R$ 14 milhões para o município em emendas parlamentares em 2017. "Em 2018, já recebemos R$ 10 milhões. Não posso reclamar dos deputados", afirmou. Ele destacou que conseguiu R$ 2 milhões só para o recapeamento de ruas.

Afirmou ainda que "todo centavo que chegar dentro de Votuporanga vai ser usado em obra pública". "Não será um centavo desviado. Não será mal-aplicado. Tenho essa forma de proceder e a vida toda fui muito sério", disse.

Durante a entrevista, Dado comentou sobre sua relação com o deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB), ex-prefeito da cidade. "Tem sido um parceiro do município."

Dado, que já foi deputado federal, falou das dificuldade de ser prefeito. "Beira a crueldade o que a gente sofre", disse, ao admitir que sente as críticas que recebe nas redes sociais. "Sei o que eles (prefeitos) estão passando. Cada um deles deve ser homenageado. Ser deputado é mais light", disse.

13º salário para prefeito

O prefeito, que defende o pagamento de 13º salário e abono de férias para agentes políticos como ele, disse que aguarda um momento "socialmente adequado" para reabrir a discussão sobre o assunto em Votuporanga, onde ele chegou a fazer a proposta e recuou depois.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso