X
X

Diário da Região

20/01/2018 - 00h10min / Atualizado 20/01/2018 - 00h10min

ÁREA AZUL DIGITAL

Secretário de Edinho deixa o cargo após denúncias de fraudes na Emurb

Documento da Justiça em que o secretário aparece como "representante legal" de empresa que disputou licitação na Emurb foi pá de cal para que ele deixasse o governo

Johnny Torres 19/1/2018 Coletiva do prefeito Edinho Araujo para anunciar o secretario interino de Desenvolvimento, José Onofre Araujo
Coletiva do prefeito Edinho Araujo para anunciar o secretario interino de Desenvolvimento, José Onofre Araujo

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Liszt Abdala, entregou carta de demissão ao prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), na tarde desta sexta-feira, 19. A situação dele ficou insustentável após o Diário revelar na quinta, 18, que ele assinou como "representante legal" de empresa que participou de licitação com indícios de fraude na Empresa Municipal de Urbanismo (Emurb).

O chefe de gabinete da secretaria, José Onofre de Araújo, assumiu interinamente o cargo. Onofre é filiado ao DEM. A situação de Liszt se complicou depois que a mulher e uma irmã dele participaram da licitação da Área Azul digital. O caso é investigado pelo Ministério Público.

"O Liszt fez um excelente trabalho. Pessoa correta, honesta. Desejo toda a sorte para que ele possa fazer sua defesa. Provar sua inocência", disse Edinho, que, anteriormente, havia considerado as explicações de Liszt "satisfatórias". O secretário sustentou que não sabia que seus familiares haviam participado da licitação.

Na quinta, o chefe de Gabinete, Zeca Moreira, se reuniu com o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto (Acirp), Paulo Sader, e o empresário Maurício Bellodi, um dos líderes do PV no município. Liszt foi indicado pela associação para ocupar o cargo.

Vânia Pelegrini, que presidia a Emurb, já havia deixado o cargo em meio ao escândalo. Uma ex-funcionária da empresa, também demitida, é sócia da Innovare Cartuchos, empresa que venceu a licitação para criar a Área Azul digital por R$ 79 mil. Ela é sócia do marido, Wagner Costa, que fez uma série de denúncias de irregularidades na Emurb em entrevista exclusiva ao Diário publicada no dia 12. Ele admitiu que venceria a licitação, já que desenvolveu o projeto do aplicativo.

Apesar de Wagner dizer que o aplicativo está pronto para entrar em operação, o contrato foi suspenso pelo Executivo e uma comissão foi nomeada por Edinho para analisar todas despesas, contratos e licitações da empresa em 2017, além de denúncia de falsificação de talões, feita por Wagner, que acusou ainda a existência de esquema de troca de cheques de terceiros usando o caixa da Área Azul.

CPI

A demissão de Liszt ocorre dias antes do fim do recesso parlamentar na Câmara de Rio Preto. A partir da próxima semana, os vereadores retornam do recesso parlamentar. Uma Comissão Parlamentar de Inquérito será aberta para apurar as supostas irregularidades na Emurb.

Na segunda-feira, 15, Liszt foi à Câmara para tentar explicar a participação de familiares na licitação. Reafirmou que não sabia que sua mulher e irmã haviam sido convidadas para a disputa e negou irregularidades.

Liszt foi sócio da Marbell Teleinformática com a irmã. Ele afirmou não participar mais da empresa, o que consta no site da Junta Comercial do Estado de São Paulo. No entanto, em ação ajuizada pela empresa de cobrança de dívida em novembro do ano passado, ele assina uma procuração como representante legal da empresa.

Liszt afirma se tratar de um equívoco e volta a negar participação no quadro societário da empresa. Em nota, divulgada nesta sexta-feira, ele afirmou que Edinho havia aceitado o seu pedido de exoneração. "Reitero que não cometi nenhuma ilegalidade no exercício da função pública e terei a chance de provar minha inocência nas instâncias investigatórias e na Justiça", afirmou na nota.

A Acirp também divulgou nota em que afirma compreender a decisão e "agradece o empenho de Liszt em representar a entidade no exercício de suas funções na Secretaria de Desenvolvimento Econômico".

Notificação

O promotor de Justiça Cláudio Santos Moraes notificou empresas que participaram da licitação da Área Azul digital para esclarecerem as circunstâncias da concorrência suspeita de direcionamento.

"Por ora, (notificamos) somente quem está diretamente envolvido na licitação", disse o promotor sobre a apuração. Moraes aguarda respostas das empresas para definir os próximos passos da investigação. A Prefeitura e a Emurb também foram notificadas. O caso também será investigado pela polícia Civil.

Onofre processou Emurb

Escalado para ser o secretário interino de Desenvolvimento Econômico, José Onofre de Araújo já trabalhou na Emurb em cargo de confiança e processou a empresa. Onofre ocupou o cargo entre outubro de 2009 e março de 2014, na gestão de Valdomiro Lopes (PSB), que foi prefeito entre 2009 e 2016. Ele chegou a ocupar cargo de gerente operacional em 2013. Ele trabalhou na Emurb quando Liszt Abdala era presidente da empresa. Liszt ficou na Emurb entre 2010 e de 2012.

Depois que foi demitido, Onofre ingressou com ação trabalhista contra a Emurb. O atual secretário pedia na Justiça pagamento de R$ 324 mil. Ele afirmou na Justiça que fazia acúmulo de funções. Também cobrou pagamentos de horas extras e falta de recolhimento de FGTS. A ação tramitou na 3ª Vara do Trabalho. Pedido de horas extras foi rejeitado. A Justiça, porém, determinou pagamento de R$ 4 mil referente a FGTS. "Foi uma questão de fundo de garantia só. O processo já encerrou", disse dele ao Diário nesta sexta, 19. (VM)

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso