X
X

Diário da Região

25/01/2018 - 23h17min / Atualizado 25/01/2018 - 23h17min

FUTEBOL FEMININO

Atacante Darlene troca Rio Preto pelo Zaragoza, da Espanha

Depois, retorna ao Brasil e, em julho, já se apresenta ao Benfica, de Portugal, para cumprir contrato de um ano

Johnny Torres/Arquivo A goleadora 
rio-pretense Darlene, de 28 anos, já atuou na China, Áustria, Coreia do Sul e Itália
A goleadora rio-pretense Darlene, de 28 anos, já atuou na China, Áustria, Coreia do Sul e Itália

Se o ano de 2017 não terminou muito bem para a atacante rio-pretense Darlene, de 28 anos, 2018 começa cheio de novidades. Suspensa pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) de todas as competições no Brasil até 15 de fevereiro, Darlene terá dois clubes como casa nesta temporada. Na segunda-feira, 29, a atacante vinculada ao Rio Preto embarca para a Espanha, onde defenderá o Prainsa Zaragoza na Liga Espanhola, até maio. Depois, retorna ao Brasil e, em julho, já se apresenta ao Benfica, de Portugal, para cumprir contrato de um ano. "Estou ansiosa para ir logo e jogar, estou há muito tempo parada pela suspensão. Como surgiu essa oportunidade na Espanha e lá está a Maiara (ex-meia do Corinthians) que é uma amiga, quero muito chegar lá e ajudar o Zaragoza", disse Darlene.

E o time está precisando e muito da ajuda da goleadora. O Zaragoza é o último entre os 16 clubes do torneio com apenas 5 pontos em 16 jogos. O Barcelona lidera com 43 pontos, mesma do Atlético de Madrid, que tem menor saldo de gols. "Gostei muito da proposta, só joguei na Espanha com a Seleção, e espero que dê muito certo. O time está contratando bastante nesta janela pra sair dessa situação", afirmou.

Jogando pelo Rio Preto, Darlene foi punida com suspensão de 180 dias por cuspir no árbitro Rodrigo Gomes Paes Domingues, no segundo jogo da semifinal do Brasileirão, em julho de 2017, contra o Corinthians. Ela até conseguiu efeito suspensivo para jogar algumas partidas do Paulistão, mas voltou a ser desfalque a partir da semifinal do estadual. Eliminado na semi do Brasileiro, o Jacaré sagrou-se bicampeão paulista, mesmo sem a atacante.

Estar em atividade também é uma forma de fazer Darlene retornar à Seleção Brasileira. O próprio técnico Vadão assinalou ano passado que conta com a atleta depois de acabar sua suspensão. "Não sei se jogando lá fora será possível o Vadão me convocar, parece que teria de voltar a jogar aqui, mas os advogados estão cuidando disso", disse Darlene.

Esta será a quinta vez que ela deixa o Rio Preto. Em 2016 ela atuou pelo Changchun, da China. Na temporada 2012/2013 jogou no Nösv Neulengbach, da Áustria. Vestiu a camisa do Ulsan Hyundai, da Coreia do Sul em 2010/2011 e do Marsalla, da Itália, lá em 2006.

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso