X
X

Diário da Região

10/01/2018 - 14h17min / Atualizado 10/01/2018 - 14h17min

ORIENTAÇÕES

7 dicas para gastar menos na compra de material escolar

Procon de Rio Preto elaborou uma lista para orientar consumidores

Pixabay Consumidores devem ficar atentos para evitar gastos desnecessários
Consumidores devem ficar atentos para evitar gastos desnecessários

O mês de janeiro já está quase na metade e, tradicionalmente, esta é a época de comprar material escolar para as crianças e adolescentes, que voltam às aulas já em fevereiro. O gasto, que já é comum no início do ano, pesa - e muito - no bolso, ainda mais por se somar às demais despesas desse período, como IPVA, IPTU, entre outros. Por isso, é importante pesquisar para encontrar itens mais baratos e descontos que podem fazer a diferença.

Na cidade de São Paulo, a Fundação Procon-SP realizou uma pesquisa que mostra que a variação de preços para o mesmo produto pode chegar a 260% em diferentes lojas. Um exemplo é uma caneta esferográfica da marca Faber Castell, que foi encontrada por R$ 1,75 em uma loja e por R$ 6,30 em outra.

O levantamento verificou uma alta de 9,25% nos preços dos materiais escolares com relação à mesma pesquisa feita no anterior.

Para ajudar os pais a evitar gastos desnecessários, Procon de Rio Preto elaborou uma lista com sete dicas importantes antes de ir às compras. Confira:

  1. Pesquisar, pesquisar e pesquisar

    Antes de efetuar a compra os pais devem pesquisar os preços em diferentes estabelecimentos. Segundo o economista do órgão, Eraldo Angelotti, os valores podem variar em mais de 100%, conforme marca e estabelecimento, por isso é importante se organizar e começar a pesquisar os itens da lista com antecedência.

  2. Ver o que pode ser reutilizado

    Verificar as condições de uso dos materiais do ano anterior para utilização no novo ano letivo é uma boa opção para quem busca economia nas compras. Outra dica importante é evitar comprar materiais com personagens, os preços costumam ser mais elevados.

  3. Atenção para cobranças indevidas

    Segundo o diretor do Procon, professor Arnaldo Vieira, conforme a Lei 12.886/2013, a instituição de ensino não pode solicitar a compra de materiais que sejam de uso coletivo, como os utilizados na área de higiene ou limpeza, o consumidor deve ficar atento para essas cobranças.

  4. O consumidor tem direito de escolher onde comprar

    Vieira afirma que a escola não pode determinar em qual estabelecimento comercial o consumidor deve efetuar a compra do material, e alerta “essa é uma prática considerada abusiva”.

  5. Exija nota fiscal e fique de olho na garantia

    O Procon informa ainda que a nota fiscal é de extrema importância no ato de qualquer compra, pois é a garantia que o consumidor tem dos produtos adquiridos. No caso de produtos com defeitos, o prazo para reclamação é de 30 dias para bens não duráveis e 90 dias para duráveis.

  6. Procure por descontos

    Alguns estabelecimentos comerciais oferecem descontos em grandes compras. Combinar com outros pais a compra coletiva dos materiais também pode ajudar e muito na economia.

  7. Faça valer seus direitos

    Se o consumidor encontrar qualquer irregularidade na exigência dos materiais, ou mesmo no estabelecimento comercial, deve procurar o Procon e registrar a queixa.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso