Diário da Região

03/12/2017 - 16h51min

ALEMANHA

Brasil tem a 1ª primeira no Mundial de Handebol

A equipe ficou a maior parte do tempo atrás da Tunísia no placar, mas virou na reta final e levou a melhor por apenas um gol de vantagem: 23 a 22

CBH/Divulgação Brasileiras comemoram vitória sobre a Tunísia
Brasileiras comemoram vitória sobre a Tunísia

A seleção brasileira feminina de handebol precisou suar muito, mas conseguiu a sua primeira vitória no Mundial da Alemanha neste domingo, 3, na cidade de Oldenburg. Novamente longe de suas melhores atuações, a equipe ficou a maior parte do tempo atrás da Tunísia no placar, mas virou na reta final e levou a melhor por apenas um gol de vantagem: 23 a 22.

Foi a primeira vitória da seleção neste Mundial. Na estreia diante do Japão, no último sábado, as comandadas do técnico espanhol Jorge Dueñas viveram cenário semelhante, ficaram atrás do placar na maior parte do confronto e buscaram o empate no fim. O triunfo quase veio, mas um gol marcado no fim foi considerado inválido pois, segundo a arbitragem, o cronômetro já havia zerado.

Por isso, a importância do resultado deste domingo. O triunfo, aliado ao empate do último sábado, mantém a seleção viva na briga pela classificação à próxima fase no Grupo C. A disputa, porém, não será fácil. Afinal, o Brasil terá pela frente nos próximos dias Rússia (terça-feira), Dinamarca (quarta) e Montenegro (sexta) como adversários.

Apesar do triunfo deste domingo, o início da partida foi desesperador para a seleção. Com muita dificuldade para furar a defesa tunisiana e sofrendo com a goleira Eya Ben Abdallah, o time brasileiro marcou apenas dois gols nos primeiros 13 minutos e viu o adversário abrir vantagem.

Aos poucos, porém, a seleção diminuiu o prejuízo, liderada por Duda Amorim, maior destaque do País no primeiro tempo. Só que a etapa final começou parecida com a primeira, a Tunísia se recuperou e voltou a abrir quatro gols de frente.

Foi então que apareceu a estrela da goleira Babi. A jogadora brasileira fechou o gol na segunda metade da etapa final e permitiu que a seleção reagisse. Ana Paula, no ataque, marcou os gols que a seleção precisava e o empate veio na reta final.

A própria Ana Paula, a poucos minutos para o fim, foi a responsável por colocar o Brasil à frente pela primeira vez. Erros da seleção tunisiana na reta final e uma linda defesa de Babi a segundos do estouro do cronômetro decretaram o importante triunfo brasileiro.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso