Diário da Região

05/12/2017 - 09h38min

Embriaguez ao volante

Motorista acusado de matar criança vai a júri

Maria Fernanda de Oliveira Silva, 9, viajava em um Gol com a família e o carro foi atingido na traseira por uma caminhonete Ford Ranger

Marco Antonio dos Santos O réu é acusado de matar uma criança de 9 anos atropelada. Ele estaria embriagado
O réu é acusado de matar uma criança de 9 anos atropelada. Ele estaria embriagado

Está sendo realizado nesta terça-feira, 5, o Tribunal do Júri de Raphaelo dos Reis Pissolatti, acusado de provocar um acidente na rodovia Assis Chateaubriand que matou a menina Maria Fernanda de Oliveira Silva, 9, no dia 30 de junho de 2013.

Pissolatti é acusado de homicídio doloso (quando há intenção de matar). A perícia constatou que o jovem estava embriagado e dirigia sua Ford Ranger acima de 140 km/h quando bateu na traseira do Gol que estava a vítima.

O acusado chegou ao Fórum de Rio Preto, por volta das 10h15, acompanhado de seus advogados. Ele caminhava em direção ao prédio de cabeça baixa.

O pai de Maria Fernanda, Carlos Alves da Silva, espera que finalmente Raphaelo seja julgado, após quatro anos do crime.

"É importante que termine hoje para que ele cumpra a pena e a gente siga em frente", afirmou momentos antes de iniciar o julgamento.

Com o impacto, o carro capotou várias vezes e ficou totalmente destruído. Maria Fernanda estava no banco de trás e morreu na hora. Ela era filha única.

Seus pais Carlos Alves da Silva, 60, e Analfa Domingues de Oliveira, 46, além da avó da menina, Luzia Maria de Oliveira, 83, foram socorridos com ferimentos leves.

O rapaz chegou a ficar preso no CDP (Centro de Detenção Provisória), mas conseguiu direito de responder ao crime em liberdade.

A estratégia dos advogados de defesa de Raphaelo será alegar que o carro onde estava Maria Fernanda, transitava na rodovia, com velocidade abaixo dos 10 km por hora, e por este motivo, não houve tempo do motorista evitar a colisão. 

Serão ouvidas quatro testemunhas, dois policiais rodoviários que atenderam o acidente e os pais da criança. Os advogados de defesa de Raphaelo queria exigir o depoimento dos peritos criminais que emitiram os laudos do acidente, mas o pedido não foi acatado.

A previsão é de que o julgamento termine por volta das 17 horas desta terça-feira.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso