Diário da Região

    • São José do Rio Preto

      22/11/2019

    • máx 30 min 20
27/12/2017 - 22h34min

NA MURCHID

Estrutura de viaduto danificada não tem data para conserto

O local foi limpo por equipe da Triângulo do Sol, que administra a rodovia

Mara Sousa 27/12/2017 Viaduto sobre a Murchid Homsi foi sinalizado e pedras retiradas
Viaduto sobre a Murchid Homsi foi sinalizado e pedras retiradas

Mais de 24 horas após a chuva, a estrutura de concreto do viaduto da rodovia Washington Luís, sobre a avenida Murchid Homsi, permanecia danificada nesta quarta-feira, dia 27. O local foi limpo por equipe da Triângulo do Sol, que administra a rodovia. Por meio de nota, a empresa afirmou que os trabalhos de recomposição da estrutura possuem previsão de conclusão para hoje (28), caso haja condições normais de operação e clima.

Segundo a Defesa Civil, o local não apresenta riscos, mesmo sendo próximo dos pilares de sustentação do viaduto. Foi colocada sinalização para que ninguém suba na estrutura.

A avenida Murchid Homsi foi novamente vítima da forte chuva. O temporal de menos de 30 minutos acumulou 34 milímetros cúbicos (mm³), segundo medidor da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), no Bairro São Francisco. Esse foi a maior nível atingido no mês desde o temporal do dia 1° de dezembro, em que a estação marcou 46,4 mm³.

O córrego que corta o cruzamento da rua José Bonifácio com a Murchid transbordou. O temporal derrubou algumas árvores, nenhuma delas de grande porte. Na tarde de quarta-feira, equipe da Secretaria de Serviços Gerais fez a retirada dos galhos e iniciou limpeza das vias para evitar que sujeiras entupissem os bueiros, provocando novas inundações.

Segundo o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil, a chuva de granizo e o temporal não deixaram nenhum ferido ou desabrigado.

De acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec/Inpe), a chuva permanecerá na cidade nos próximos dias. A probabilidade de chuva está entre 80% e 90% até a próxima terça-feira, dia 2.

Morte

Um acidente na SP-595, em Ilha Solteira, por volta da 1h desta quarta-feira, 27, deixou uma mulher morta e um motociclista gravemente ferido.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o condutor da moto teria tentado desviar de uma árvore caída na pista, quando invadiu a pista contrária e bateu em um automóvel. A mulher de 29 anos, que estava na garupa da moto morreu no local. Já o homem foi encaminhado para um hospital de Ilha Solteira, onde permanece internado. O condutor do automóvel teve ferimentos leves. (Colaborou Rone Carvalho)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 19,00
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo e
ganhe + matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 19,00

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.