Estrutura de viaduto danificada não tem data para consertoÍcone de fechar Fechar

NA MURCHID

Estrutura de viaduto danificada não tem data para conserto

O local foi limpo por equipe da Triângulo do Sol, que administra a rodovia


    • São José do Rio Preto
    • máx min

Mais de 24 horas após a chuva, a estrutura de concreto do viaduto da rodovia Washington Luís, sobre a avenida Murchid Homsi, permanecia danificada nesta quarta-feira, dia 27. O local foi limpo por equipe da Triângulo do Sol, que administra a rodovia. Por meio de nota, a empresa afirmou que os trabalhos de recomposição da estrutura possuem previsão de conclusão para hoje (28), caso haja condições normais de operação e clima.

Segundo a Defesa Civil, o local não apresenta riscos, mesmo sendo próximo dos pilares de sustentação do viaduto. Foi colocada sinalização para que ninguém suba na estrutura.

A avenida Murchid Homsi foi novamente vítima da forte chuva. O temporal de menos de 30 minutos acumulou 34 milímetros cúbicos (mm³), segundo medidor da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), no Bairro São Francisco. Esse foi a maior nível atingido no mês desde o temporal do dia 1° de dezembro, em que a estação marcou 46,4 mm³.

O córrego que corta o cruzamento da rua José Bonifácio com a Murchid transbordou. O temporal derrubou algumas árvores, nenhuma delas de grande porte. Na tarde de quarta-feira, equipe da Secretaria de Serviços Gerais fez a retirada dos galhos e iniciou limpeza das vias para evitar que sujeiras entupissem os bueiros, provocando novas inundações.

Segundo o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil, a chuva de granizo e o temporal não deixaram nenhum ferido ou desabrigado.

De acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec/Inpe), a chuva permanecerá na cidade nos próximos dias. A probabilidade de chuva está entre 80% e 90% até a próxima terça-feira, dia 2.

Morte

Um acidente na SP-595, em Ilha Solteira, por volta da 1h desta quarta-feira, 27, deixou uma mulher morta e um motociclista gravemente ferido.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o condutor da moto teria tentado desviar de uma árvore caída na pista, quando invadiu a pista contrária e bateu em um automóvel. A mulher de 29 anos, que estava na garupa da moto morreu no local. Já o homem foi encaminhado para um hospital de Ilha Solteira, onde permanece internado. O condutor do automóvel teve ferimentos leves. (Colaborou Rone Carvalho)